Reembolsos de IRS sobem em média 30% este ano

  • ECO
  • 22 Abril 2019

Os contribuintes portugueses receberão em média um reembolso 30% superior ao que se verificava em 2018. Pensionistas e famílias com menos rendimentos são os que mais recebem.

Os contribuintes portugueses vão receber um reembolso de IRS 30% superior este ano, avança o Jornal de Negócios (acesso pago). Os cálculos apontam para que os pensionistas e as famílias com rendimentos mais baixos tenham um reembolso ainda superior.

As simulações publicadas esta segunda-feira pelo Jornal de Negócios foram realizadas pela consultora PwC, e apontam para que os pensionistas possam receber um reembolso superior em 72% ao que receberam no ano passado.

Os contribuinte recebem atualmente reembolso do imposto pago durante o ano porque descontam mais do que o imposto devido durante o ano a que é respetivo o rendimento. Isto deve-se a um desfasamento em relação ao imposto definido nas tabelas de retenção na fonte — que estabelece o montante de IRS pago descontado do salário mensal –, que não reflete a realidade das taxas do imposto.

Este desfasamento cria um valor de imposto a ser reembolsado na época de liquidação, que decorre nesta altura. No ano passado, com a criação de dois novos escalões de IRS e o aumento do mínimo de existência, o valor deste desfasamento foi aumentado em cerca de 150 milhões de euros, já se esperando só por essa razão um aumento do valor dos reembolsos, que dependem ainda das deduções que cada agregado familiar pode fazer ao longo do ano.

Comentários ({{ total }})

Reembolsos de IRS sobem em média 30% este ano

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião