✅ Quiz: Acha que sabe tudo sobre o novo regime contributivo dos recibos verdes?

O regime contributivo dos trabalhadores independentes mudou. Alteraram-se as taxas e as declarações de rendimentos ganharam novos prazos. Acha que está a par de tudo. Ora teste o seu conhecimento.

O regime contributivo dos trabalhadores independentes mudou. Alteraram-se as taxas, as declarações de rendimentos passaram de anuais a trimestrais e até as isenções ganharam novos contornos. As novas regras, explicou o Governo, têm como objetivo aproximar o rendimento relevante do rendimento efetivo e reforçar a proteção social destes trabalhadores.

Esta terça-feira, termina o prazo para entregar a declaração trimestral de rendimentos. A segunda deste ano e que deverá determinar o valor das contribuições a pagar em maio, junho e julho. Quem não a entregar arrisca mesmo uma multa, portanto apresse-se. A entrega tem de ser feita através da Segurança Social Direta.

Por outro lado, à boleia desta alterações, as contribuições para a Segurança Social estão a crescer a olhos vistos. Em janeiro, foram mais 9,4% do que no período homólogo, o que se explica pelo “aumento do número de trabalhadores independentes com obrigações contributivas” — os tais portugueses que passam recibos verdes e perderam a isenção contributiva este ano — e pela subida dos trabalhadores independentes que, estando “isentos, optaram por contribuir”.

617

Acha que sabe tudo sobre recibos verdes?

O regime contributivo dos trabalhadores independentes mudou. A declaração anual de rendimentos foi substituída por quatro declarações trimestrais... mas só em alguns casos. A taxas foram alvo de alterações e ganharam novas nuances. Acha que está a par de todos os novos contornos? Ora teste o seu conhecimento.

1 / 11

Que trabalhadores independentes têm de apresentar uma declaração trimestral de rendimentos à Segurança Social?

2 / 11

Em que meses devem os trabalhadores independentes entregar as declarações trimestrais?

3 / 11

Que entidades contratantes têm obrigação contributiva?

4 / 11

Qual a taxa de contribuição exigida às entidades contratantes?

5 / 11

O que acontece, a nível contributivo, quando o trabalhador independente não tem rendimentos durante um trimestre?

6 / 11

Os pensionistas que acumulam a pensão com trabalho independente contribuem para a Segurança Social?

7 / 11

Sobre que fatia do rendimento dos trabalhadores independentes incide a taxa de contribuição?

8 / 11

Qual a taxa de contribuição aplicada aos rendimentos relevantes dos trabalhadores independentes?

9 / 11

O trabalhador independente pode ajustar o rendimento sobre o qual incide a taxa. Como?

10 / 11

Se um trabalhador independente tiver uma dívida à Segurança Social e precisar de receber subsídio de desemprego, consegue?

11 / 11

Os trabalhadores independentes têm direito a proteção na doença a partir de que dia?

Your score is

0%

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

✅ Quiz: Acha que sabe tudo sobre o novo regime contributivo dos recibos verdes?

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião