Carlos Pinto de Abreu e Associados apoia Miguel Duarte

Sociedade de advogados está a dar apoio jurídico ao português acusado em Itália de alegado auxílio à imigração ilegal por ter ajudado a salvar milhares de vidas de afogamento no Mediterrâneo.

A sociedade de advogados Carlos Pinto de Abreu e Associados está a dar o seu contributo, prestando apoio jurídico a Miguel Duarte, o jovem cidadão português, de 26 anos, indiciado pelas autoridades italianas (juntamente com outros nove membros da tripulação do navio “Iuventa”), de alegado auxílio à imigração ilegal.

Os sócios Vânia Costa Ramos e Rui Elói Ferreira lideram a equipa que apoia e representa o ativista em Portugal, que incorre numa pena de até 20 anos de prisão e milhares de euros em coimas por ter ajudado a salvar milhares de vidas de afogamento no Mediterrâneo, ao serviço da Jugend Rettet.

Atualmente a completar o doutoramento em Matemática no Instituto Superior Técnico, em Lisboa, Miguel Duarte colaborou com esta organização não-governamental alemã em 2016 e 2017 e participou em quatro missões humanitárias a bordo do “Iuventa”.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Carlos Pinto de Abreu e Associados apoia Miguel Duarte

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião