Portuguesa Doppio fecha ronda de um milhão. Amazon entre os investidores

Estúdio especializado em jogos controlados por voz anunciou ter fechado ronda de financiamento seed de um milhão de euros. Amazon, Google e Portugal Ventures entre os investidores.

A Doppio, estúdio português especializado em jogos controlados por voz através de dispositivos como a Alexa ou o Google Assistant, levantou uma ronda de financiamento seed no valor de um milhão de euros, anunciou esta manhã a startup na Voice Summit 2019, em New Jersey.

A ronda inclui investimentos do Amazon Alexa Fund, do Google Assistant Investment Program, além de contar com a participação de nomes como Andy Chung e Philip Moehring, do AngelList, e dos portugueses Portugal Ventures e Busy Angels.

“Este investimento é um voto de confiança no grande potencial do gaming conversacional. Há já milhões de equipamentos de voz, mas poucos jogos conseguiram tirar proveito das oportunidades únicas da tecnologia de voz”, explica Jeferson Valadares, CEO da Doppio, citado em comunicado.

“O gaming emergiu como um dos mais excitantes casos de tecnologia de voz, e a Doppio está entre os primeiros a reconhecer o seu potencial. Construíram um jogo que aproveita o meio único, e daquilo que os consumidores adoram”, detalha Paul Bernard, diretor do Alexa Fund.

Fundada em abril de 2018, a Doppio lançou o seu primeiro jogo, The Vortex, uma aventura de ficção científica em que o jogador é acordado de um sono criogénico por um grupo de robôs numa nave e precisa de comandá-la, em outubro do mesmo ano. Com a ronda de investimento, a Doppio prepara-se para aumentar a equipa em Portugal e lançar o segundo jogo no último trimestre do ano.

 

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Portuguesa Doppio fecha ronda de um milhão. Amazon entre os investidores

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião