Venda do banco em Espanha ao Abanca engorda lucro da Caixa em 135 milhões no primeiro semestre

  • ECO
  • 9 Setembro 2019

"Luz verde" do BCE é o último requisito para que se possa terminar a aquisição. Assinatura da aquisição deverá acontecer "nas próximas semanas". Caixa vê lucro do semestre "engordar" 135 milhões.

O Abanca já recebeu autorização do Banco Central Europeu (BCE) para a conclusão da operação de compra do Banco Caixa Geral, o banco da Caixa Geral de Depósitos (CGD) em Espanha. A assinatura da aquisição deverá acontecer “nas próximas semanas” e, tal como o ECO avançou em primeira mão, vai “engordar” os lucros do banco liderado por Paulo Macedo no primeiro semestre em 135 milhões de euros.

“A luz verde do BCE é o último requisito para que se possa terminar a aquisição, que será encerrada formalmente nas próximas semanas com a assinatura do contrato de compra e venda”, anunciou o banco espanhol em comunicado esta segunda-feira.

Minutos depois, o banco português confirmava a notícia, adiantando que “o facto constitui para a CGD um evento subsequente ajustável, tal como oportunamente comunicado no final de julho de 2019, pelo que as contas referentes ao período findo a 30 de junho de 2019 serão alteradas para acomodar os efeitos desta decisão.”

Ou seja, “o impacto estimado na valorização desta participação com referência a 30 de junho de 2019 é positivo em 135 milhões de euros no resultado líquido do período e nos capitais próprios consolidados da CGD, decorrente do ajustamento, ao valor da venda, das imparidades registadas nas contas da CGD no final de 2017″, diz a CGD no comunicado enviado à CMVM.

“Deste modo, o resultado líquido com referência a 30 de junho de 2019 será de 417,5 milhões de euros”, enquanto o rácio de capital CET1 passa de 14,8% para 15,1%, frisa ainda a instituição portuguesa.

Do lado do Abanca, é referido que “a integração informática, jurídica e financeira das duas entidades será uma realidade no primeiro trimestre de 2020”.

“Uma vez concluída a integração do Banco Caixa Geral, o Abanca soma um volume de negócios de 7.000 milhões de euros e 131 mil clientes, geridos através de uma rede comercial de 110 agências em Espanha”, conclui.

(Notícia atualizada às 17h39)

Comentários ({{ total }})

Venda do banco em Espanha ao Abanca engorda lucro da Caixa em 135 milhões no primeiro semestre

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião