É dia de Ação de Graças. Sabe quantos perus se comem nos EUA?

No Dia de Ação de Graças, os norte-americanos consomem tantos perus, a refeição tradicional deste feriado, quantas pessoas existem em Espanha.

Peru, batata-doce, arandos, tarte de abóbora. Estes são alguns dos elementos clássicos que não podem faltar na mesa dos norte-americanos no Dia de Ação de Graças (Thanksgiving), que se celebra esta quinta-feira. Mas quantos perus se consomem no país por esta altura do ano?

Os norte-americanos comem cerca de 46 milhões de perus durante este feriado, de acordo com o Insider (acesso livre, conteúdo em inglês). Para colocar em perspetiva, isto são tantos perus quanto os habitantes em Espanha. E, em média, esta ave pesa cerca de 13 quilos, o que significa que são consumidos quase 1,4 mil milhões quilos de peru no Thanksgiving.

Este feriado normalmente é celebrado com amigos ou família, que se juntam à mesa naquele que também é chamado o “dia do peru”. Uma refeição para dez pessoas, que inclui peru e recheio, pães, batata-doce, ervilha, arandos, cenoura e legumes e torta de abóbora com chantilly custa em média 48,90 dólares.

E para cozinhar o manjar deste dia? Os perus podem ter de ficar até seis horas no forno, dependendo do tamanho, o que ainda requer uma boa quantidade de energia. Os norte-americanos consomem, coletivamente, cerca de 644 milhões de quilowatt-hora (kWh) no Thanksgiving para cozinhar os 46 milhões de perus, de acordo com as contas da distribuidora Direct Energy.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

É dia de Ação de Graças. Sabe quantos perus se comem nos EUA?

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião