Vendas de carros elétricos aceleram. Tesla é líder, destronando a Nissan

A Nissan perdeu a liderança para a norte-americana Tesla que beneficiou do arranque da comercialização do Model 3. Vendeu 1.979 automóveis em Portugal, em 2019.

Enquanto as vendas de automóveis caíram, as de carros elétricos continuam a aumentar no mercado nacional. A comercialização de veículos 100% elétricos cresceu quase 70% no ano passado, com a Tesla, á boleia do Model 3, a conseguir destronar, no global do ano, a nipónica Nissan.

Em 2018, as vendas de veículos elétricos ligeiros de passageiros ascenderam a 4.073 unidades. No ano passado, segundo dados da ACAP, as vendas de elétricos ascenderam a 7.096 unidades, sendo que os ligeiros de passageiros cifraram-se em 6.883 unidades. Ou seja, houve um crescimento de 69%.

Este crescimento acontece num contexto de crescente oferta de modelos totalmente elétricos por parte das principais fabricantes de automóveis, mas também com o apetite demonstrado pelos consumidores por estes veículos — os “cheques” do Estado esgotaram num instante.

No ano passado, várias das principais marcas apresentaram novos modelos, enquanto outras lançaram atualizações de gamas que já estavam em comercialização. Um dos modelos que maior impacto teve no mercado foi o Model 3, da Tesla, que levou as vendas da fabricante norte-americana a dispararem em Portugal.

Poucos meses após a chegada do 3 ao mercado nacional, a Tesla passou para a liderança das vendas destes modelos. Afastou a Nissan da primeira posição logo em junho, mantendo-se na liderança desde então, embora com uma margem cada vez mais “magra”. Em dezembro, contudo, afastou-se novamente da fabricante nipónica.

Enquanto a Nissan, com o Leaf, vendeu 89 unidades, a fabricante de Elon Musk registou 302 veículos, elevando o total do ano para 1.979 Tesla comercializados em 2019, entre Model 3, S ou X. Ou seja, vendeu mais 220 unidades que a rival e mais de 800 na comparação com a terceira marca mais vendida entre os elétricos, a Renault, que renovou o Zoe.

A BMW, com o i3 e o i8, vendeu mais de 500 unidades, assim como a Jaguar, com o I-PACE, e a Hyundai, com o IONIQ Electric e o Kauai Electric. A Smart, que a partir deste ano passa a contar com uma oferta exclusivamente elétrica, encerrou 2019 com um total de 407 unidades comercializadas, de acordo com os dados da ACAP.

Veja o ranking da marcas de automóveis elétricos mais vendidas

Correção: O artigo publicado inicialmente comparava, erradamente, os números de vendas de veículos elétricos em 2019 com o de elétricos e híbridos em 2018, o que apontava no sentido de uma quebra nos novos registos. Pelo lapso, apresentamos o nosso pedido de desculpa aos leitores.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Vendas de carros elétricos aceleram. Tesla é líder, destronando a Nissan

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião