EDP reembolsa antecipadamente mais 69,2 milhões em obrigações emitidas em 2015

Elétrica já tinha recomprado 680,8 milhões de euros em títulos com maturidade em 2075. Anunciou agora que irá fazer o mesmo com a restante parte, que atinge assim o total de 750 milhões de euros.

A EDP vai reembolsar a totalidade da linha de obrigações que foram emitidas em 2015 e venciam apenas em 2075. Depois de ter emitido nova dívida para recomprar 680,8 milhões de euros no mercado, a empresa liderada por António Mexia anunciou agora que irá também reembolsar os restantes 69,2 milhões que faltavam para fechar a linha.

“A EDP informa que irá proceder, com efeitos no dia 2 de março de 2020, ao reembolso antecipado de 692 Notes representativas da emissão denominada “€750,000,000 Fixed to Reset Rate Subordinated Notes due 2075”, pelo valor nominal global de
69.200.000,00 euros, juntamente com os juros corridos e não vencidos”, anunciou em comunicado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Na semana passada, a EDP recomprou 680,8 milhões de euros em títulos com maturidade em 2075. A linha conta com um saldo vivo de 750 milhões de euros pelo que tinha recomprado 92,2% do total da linha de dívida.

Para financiar esta operação, a empresa liderada por António Mexia emitiu novas obrigações. A elétrica pagou 1,75% para emitir 750 milhões de euros em títulos representativos de dívida green subordinada, com prazo em 2080 e opção de reembolso antecipado 5,25 anos após a data de emissão.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

EDP reembolsa antecipadamente mais 69,2 milhões em obrigações emitidas em 2015

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião