Wuant no topo. Estes são os dez youtubers mais influentes de Portugal

  • ECO
  • 28 Fevereiro 2020

Entre gostos, partilhas, eventos, presenças e patrocínios, conheça os youtubers mais influentes do país em 2020, de acordo com a Forbes Portugal.

Wuant voltou a ser considerado o youtuber mais influente do país em 2020, segundo a Forbes Portugal, num ranking que não se traduz apenas no número de seguidores, mas sim nas parcerias comerciais e na influência nas redes sociais. O top 3 é dominado pela categoria de entretenimento, mas a de videojogos também tem uma presença substancial.

Novamente, e pelo segundo ano consecutivo, Paulo Borges, mais conhecido por Wuant, voltou a ser nomeado o youtuber mais influente do país, com um nível de influência de 30,5 pontos. Wuant tem atualmente 869 mil seguidores no Instagram, mas não foi só por isso que recebeu esta distinção.

Neste ranking, o que conta é a dimensão digital, ou seja, os seguidores, as visualizações, as interações e ainda a percentagem de vídeos e posts patrocinados, as campanhas publicitárias, as participações em eventos e o lançamento de livros, revistas, músicas ou podcasts. E prova disso é o último vídeo que o youtuber publicou no YouTube, em que anuncia o fim do namoro com a também youtuber Owhana. Em apenas 17 horas, já conta com mais de 600 mil visualizações, fora as inúmeras reações, entre as quais negativas pela exposição.

Wuant, youtuber.Wuant/Instagram

Em segundo lugar, também pelo segundo ano consecutivo, está Diogo Silva, conhecido por Windoh, com um nível de influência de 23,5 pontos. Com 716 mil seguidores no Instagram, o youtuber destaca-se também na categoria de entretenimento e, curiosamente, é um dos melhores amigos de Wuant. Mas as relações “familiares” não ficam por aqui.

É que o terceiro lugar, “roubado” a D4rkFrame, é ocupado por Ângela Costa, conhecida por Angie Costa, namorada de Windoh. Também na categoria de entretenimento, a youtuber com 669 mil seguidores no Instagram, tem um nível de influência de 22,7 pontos, de acordo com a Forbes Portugal. Destaque ainda para António Ramos, conhecido por D4rkFrame, que ocupa a quarta posição, também dos melhores amigos de Wuant e Windoh. O top 4, encerra, assim, todo em família.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Wuant no topo. Estes são os dez youtubers mais influentes de Portugal

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião