Fotogaleria: Amorim no top das transferências de treinadores. Veja o ranking

Nunca antes tinha sido pago um valor tão alto por um treinador em Portugal. 10 milhões de euros levaram Rúben Amorim de Braga para o Sporting. É a terceira transferência mais cara no top mundial.

Rúben Amorim assumiu esta quinta-feira o cargo de treinador da equipa principal do Sporting. O treinador de 35 anos deixou o Braga depois de o clube de Alvalade pagar a cláusula de rescisão fixada em 10 milhões de euros. A transferência para os leões torna-se na terceira transferência mais cara de sempre de um treinador de futebol a nível mundial.

Apesar de não ser muito comum, nos últimos anos tem havido algumas contratações de treinadores depois de acionadas as cláusulas de rescisão fixadas pelos clubes. A ida de André Villas-Boas do FC Porto para o Chelsea a troco de 15 milhões de euros em 2011 é, ainda hoje, a transferência mais cara de um treinador de futebol.

No ano passado, Brendan Rodgers foi “resgatado” ao Celtic pelos ingleses do Leicester por um valor a rondar os 10,5 milhões de euros, fixando a segunda contratação mais valiosa. Rúben Amorim sucede agora na lista, depois de as 10 vitórias em 13 jogos ao serviço do Braga terem convencido o presidente do Sporting Frederico Varandas a pagar a cláusula de rescisão.

De acordo com o jornal A Bola, José Mourinho segue-se na lista (ida do Inter de Milão para o Real Madrid em 2010 por 8 milhões de euros), seguido do galês Mark Hughes (ida do Blackburn Rovers para o Manchester City em 2008 a troco de 6,2 milhões de euros) e novamente Brendan Rodgers quando, em 2012, trocou o Swansea pelo Liverpool depois de paga a cláusula de 6,2 milhões de euros.

A cerca de três meses do final da época das principais ligas de futebol, a troca de treinadores já começou a ser um tema recorrente mas é bastante improvável que as atuais cláusulas de rescisão de alguns treinadores sejam batidas, a avaliar os valores em causa.

Segundo o tabloide inglês Mirror, o treinador do Liverpool Jurgen Klopp tem uma cláusula a rondar os 37 milhões de euros. Por sua vez, o espanhol Rafa Benitez tem clubes interessados nos seus serviços na Europa mas, diz a Marca, o atual treinador do clube chinês Dalian Yifang FC tem uma cláusula de 23 milhões de euros. Nesta altura o nome de Brendan Rodgers continua bem presente no mercado e surge associado ao Arsenal. Um cheque de 16 milhões de euros poderá levar o treinador a trocar o Leicester pelo clube londrino, refere a Eurosport.

Contribua. A sua contribuição faz a diferença

Precisamos de si, caro leitor, e nunca precisamos tanto como hoje para cumprir a nossa missão. Que nos visite. Que leia as nossas notícias, que partilhe e comente, que sugira, que critique quando for caso disso. A contribuição dos leitores é essencial para preservar o maior dos valores, a independência, sem a qual não existe jornalismo livre, que escrutine, que informe, que seja útil.

A queda abrupta das receitas de publicidade por causa da pandemia do novo coronavírus e das suas consequências económicas torna a nossa capacidade de investimento em jornalismo de qualidade ainda mais exigente.

É por isso que vamos precisar também de si, caro leitor, para garantir que o ECO é económica e financeiramente sustentável e independente, condições para continuar a fazer jornalismo rigoroso, credível, útil à sua decisão.

De que forma? Contribua, e integre a Comunidade ECO. A sua contribuição faz a diferença,

Ao contribuir, está a apoiar o ECO e o jornalismo económico.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Fotogaleria: Amorim no top das transferências de treinadores. Veja o ranking

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião