José Antônio do Prado Fay é o novo chairman da Semapa

  • ECO
  • 31 Julho 2020

José Antônio do Prado Fay vai substituir Heinz-Peter Elstrodt como presidente do Conselho de Administração da Semapa, após renúncia deste. A decisão foi comunicada esta sexta-feira à CMVM.

Depois de ter apresentado as contas relativas ao primeiro semestre deste ano, a Semapa anunciou que vai mudar o seu Presidente do Conselho de Administração. José Antônio do Prado Fay vai substituir Heinz-Peter Elstrodt como charmain da empresa, após renúncia do próprio. A informação foi comunicada ao final da tarde desta sexta-feira, em comunicado enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CMVM).

“A Semapa designou, em 30 de Julho de 2020, o administrador Senhor Eng.º José Antônio do Prado Fay como Presidente do Conselho de Administração da sociedade, com efeitos a partir dessa data e até ao termo do mandato em curso, em virtude da renúncia apresentada pelo Senhor Dr. Heinz-Peter Elstrodt ao exercício desse cargo”, lê-se no comunicado enviado pela Semapa à CMVM.

Face a esta renúncia, a empresa ligada ao setor da pasta e papel agradeceu “todos os contributos e a dedicação” com que Heinz-Peter Elstrodt desempenhou o cargo. O alemão tinha assumido o cargo a 1 de janeiro de 2019, após a morte do presidente do grupo, Pedro Queiroz Pereira, tal como o ECO tinha avançado em primeira mão.

Heinz-Peter Elstrod tem experiência de acompanhamento em temas de governo e estratégia de empresas internacionais relevantes, nomeadamente em “family business”.

A partir de agora e até “ao termo do mandato em curso” é José Antônio do Prado Fay que vai ocupar o cargo. Esta sexta-feira, a Semapa prestou contas ao mercado, tendo revelado que os lucros da cotadas caíram 61% no primeiro semestre deste ano, para 39,3 milhões de euros, em termos homólogos, de acordo com o comunicado enviado à CMVM e citado pela Lusa.

No que diz respeito aos resultados líquidos atribuíveis a acionistas, a redução, face a igual período do ano passado, foi de 58,8%, para 30,3 milhões de euros, lê-se na mesma nota. “A atividade desenvolvida no 1.º semestre de 2020, e em especial no 2.º trimestre, refletiu os efeitos da pandemia covid-19, nomeadamente os diferentes períodos de confinamento implementados em diversas geografias onde o grupo Semapa opera”, explicou a empresa na mesma nota.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

José Antônio do Prado Fay é o novo chairman da Semapa

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião