PLMJ assessora WiZink em operação que ascendeu aos 510 milhões de euros

Gonçalo Reis Martins, Alexandre Norinho de Oliveira, Kathleen Hoffman Barley e Pedro Roque Coelho foram os advogados da PLMJ que coordenaram a assessoria ao WiZink Bank e à StormHarbour.

A sociedade de advogados PLMJ assessorou juridicamente o WiZink Bank e a StormHarbour na primeira operação feita em Portugal de titularização de um portefólio de dívida de cartões de crédito. O valor da operação ascendeu a 510 milhões de euros.

A assessoria foi coordenada por Gonçalo Reis Martins, sócio de bancário e financeiro e mercado de capitais, Alexandre Norinho de Oliveira, associado sénior, Kathleen Hoffman Barley, associada, e Pedro Roque Coelho, advogado estagiário.

“A operação de emissão de obrigações de titularização denominada “Victoria Finance no. 1”, colateralizada pelas receitas da titularização do portfólio de cartões de crédito, inédita em Portugal, foi aprovada pelo regulador do mercado de capitais, a Comissão de Mercado de Valores Mobiliários e foi fundamental para a consolidação da estratégia da WiZink para o mercado português“, nota a firma em comunicado.

As obrigações de titularização obtiveram rating pelas agências Fitch e DBRS e foram admitidas à negociação na Euronext Lisbon.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

PLMJ assessora WiZink em operação que ascendeu aos 510 milhões de euros

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião