É proibido circular entre concelhos nos próximos fins de semana, incluindo o da Páscoa

Nos próximos fins de semana não será possível circular entre concelhos, incluindo o da Páscoa. Governo não quis cometer os mesmos erros do Natal.

Na Páscoa será proibido circular entre concelhos, tal como em todos os fins de semana, anunciou o primeiro-ministro, António Costa, esta quinta-feira, após reunir em Conselho de Ministros. O estado de emergência foi aprovado no Parlamento, mas terá medidas menos restritivas, exceto nesta festividade.

A Páscoa tem sido apresentada como marco para o desconfinamento por diversas vezes. Logo quando o Presidente da República discursou, no dia em que o 12º estado de emergência foi aprovado, referiu que o país tinha de aprender com os erros do passado e “ganhar até à Páscoa o verão e o outono”. Ou seja, mais umas semanas de esforço, sem desconfinamento antes e até durante a Páscoa.

No entanto, quase todos os partidos e líderes parecem estar de acordo com a reabertura das creches e pré-escolar já antes da Páscoa. Porém, o PS foi mais longe e, na quarta-feira, depois da reunião com Marcelo Rebelo de Sousa, pediu que houvesse uma “avaliação criteriosa” para se adotar “medidas mais rigorosas no período da Páscoa”, evitando que as “medidas da próxima semana se prolonguem” nessa festividade. “Nesse período é importante haver maior rigidez no controlo de movimentos de cidadãos”, afirmou o deputado socialista José Luís Carneiro.

Dito e feito. António Costa não quis cometer os erros do Natal e impôs a proibição de circulação entre concelhos entre 26 de março e 5 de abril, semana que apanha a Páscoa.

Além do recolher obrigatório e das restrições de circulação internas, o ministro da Administração Interna admitiu que as atuais restrições nas fronteiras terrestres entre Portugal e Espanha deverão ser prolongadas até à Páscoa.

Com maior ou menor aperto, a verdade é que quase metade dos portugueses já esperava que o atual confinamento durasse até à Páscoa, segundo um inquérito conduzido pela Aximage.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

É proibido circular entre concelhos nos próximos fins de semana, incluindo o da Páscoa

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião