Teleperformance ganha Pessoas Award para “Recrutador” de 2020

"A Teleperformance vai ao mundo todo e convence os seus potenciais colaboradores de que Portugal é um bom sítio para trabalhar e, mais importante do que isso, para viver", destaca o júri dos prémios.

Nomeada juntamente com a Mercadona e a Revolut, a Teleperformance é a vencedora do Pessoas Award na categoria de “Recrutador”. A empresa, que é uma das maiores recrutadoras a nível nacional, “vai ao mundo todo e convence os seus potenciais colaboradores de que Portugal é um bom sítio para trabalhar e, mais importante do que isso, para viver”, refere o júri do concurso.

“Quando recrutamos estamos a pedir um exercício bastante complicado às pessoas”

Com uma equipa em Portugal de 11.200 pessoas de 96 nacionalidades diferentes, o responsável de recursos humanos na Teleperformance, João Tavares, diz que 2020 foi um ano de desafios. O primeiro foi colocar os colaboradores a trabalharem remotamente em pouco mais de três semanas, o segundo foi o tema da saúde mental. “Tivemos de construir um conjunto de iniciativas que nos permitissem, por um lado, monitorar, na medida do possível, o estado de saúde mental dos nossos colaboradores e, por outro lado, criar condições para manter o espírito em alta ou, se necessário, dar um apoio mais específico”, conta.

A estratégia de atração e retenção de talento da Teleperformance está assente, não só em vender o serviço da empresa mas também em apresentar Portugal e Lisboa como um sítio ideal para trabalhar. Isto numa oferta integrada aos candidatos que tem de ser muito atrativa. “Quando recrutamos, estamos a pedir um exercício bastante complicado às pessoas. Basicamente estamos a dizer ‘deixa o teu país natal ou o país onde vives neste momento e vem para aqui viver connosco’”, afirma João Tavares, acrescentando que é preciso garantir três dimensões, começando desde logo por oferecer contrapartidas “muito estimulantes” e assegurar as condições mais básicas, como o alojamento ou o apoio fiscal. Já o terceiro ponto está relacionado com a criação de “uma noção de comunidade bastante grande”.

“Hoje em dia temos de conseguir adaptar-nos a estas três dimensões e pensá-las em 36 culturas diferentes. Isto porque maioritariamente nós não recrutamos só de uma nacionalidade, o que nos traz algo ainda mais acrescido, que é dentro da nossa comunidade Teleperformance trabalharmos os aspetos culturais dos franceses, dos alemães e por aí fora. É um desafio extremamente interessante”, remata.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Teleperformance ganha Pessoas Award para “Recrutador” de 2020

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião