Um milhão de estações, 180 operadoras. Os grandes números do 5G

China tem mais de 700 mil estações base de 5G, EUA têm cerca de 40 mil. Há 180 operadoras de quinta geração no mundo e 600 modelos de telemóveis que o suportam. Conheça outros grandes números do 5G.

Em Portugal ainda se leiloam as licenças para o 5G. Mas, noutros países, a quinta geração já é uma realidade. Ainda que em diferentes fases de desenvolvimento, a evolução da rede móvel continua a propagar-se.

Alguns números enchem o olho e estão plasmados no mais recente relatório trimestral do Observatório Europeu do 5G, um organismo da Comissão Europeia que monitoriza o desenvolvimento da quinta geração no mundo.

Comecemos pelos gigantes do 5G fora da União Europeia (UE). São quatro: China, Coreia do Sul, Japão e EUA. As ambições do regime comunista de Xi Jinping passam muito pela tecnologia. Por isso, não é de estranhar que o país, até pela sua dimensão, tenha já mais de 700 mil estações base de 5G. Para comparação, os EUA têm “apenas” cerca de 40 mil.

A Coreia do Sul destaca-se com mais de 150 mil estações base de quinta geração, enquanto o Japão conta com 50 mil, aproximadamente. Nestes quatro territórios, o 5G ainda é non-standalone — significa que opera em frequências próprias, mas ainda recorre a alguma infraestrutura da rede 4G anterior.

Os quatro gigantes do 5G:

Fonte: IDATE DigiWorld via 5G Observatory

Voltando à UE, são 25 os países que já oferecem serviços de 5G aos seus cidadãos — todos, exceto Portugal e Lituânia. Mas apenas 45,8% do espetro dedicado ao 5G já foi atribuído na região.

É a faixa dos 26 GHz que está mais para trás, com 77,8% do espetro por atribuir. É a que permite as velocidades mais elevadas e desbloqueia o maior potencial da quinta geração. Mas, para já, Portugal não vai leiloar nenhuma licença nesta banda.

Mapa do 5G na União Europeia:

Fonte: IDATE DigiWorld via 5G Observatory

Dos países da UE que já têm 5G, muitos ainda não realizaram um leilão. Tal é possível graças a tecnologias como o DSS, Dynamic Spectrum Sharing, que permite lançar o 5G nas frequências do 4G (as operadoras portuguesas não são adeptas desta tecnologia). Dos 25 que já oferecem quinta geração, 19 têm mais do que uma operadora com 5G ligado.

Alargando o espetro de análise, o Observatório Europeu do 5G estima que existiam “perto de 180 operadores” em todo o mundo com serviços de 5G em junho de 2021. Nessa altura, já havia no mercado 600 dispositivos móveis capazes de se ligarem à rede de quinta geração.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Um milhão de estações, 180 operadoras. Os grandes números do 5G

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião