Portugal atinge 85% da população com primeira dose na próxima semana, diz Gouveia e Melo

O vice-almirante Gouveia e Melo prevê que Portugal vá atingir os 85% da população com a primeira dose na próxima semana.

Portugal deverá chegar na próxima semana ao marco de 85% da população com a primeira dose da vacina contra a Covid-19. Para atingir a meta que permite avançar para a terceira fase do plano de desconfinamento — neste momento o país está na segunda fase — será necessário que 85% dos portugueses completem a vacinação, o que está previsto para antes da terceira semana de setembro.

Neste momento, há 81,6% da população portuguesa com a primeira dose da vacina contra a Covid-19, de acordo com o vice-almirante Gouveia e Melo, em declarações transmitidas pela RTP3 a partir da Guarda onde o coordenador da task force recebeu uma medalha de excelência. Na próxima semana “atingiremos, com a ajuda dos últimos portugueses que têm de vir à vacinação, 85% a 86% de vacinação [da primeira dose]“, adiantou, referindo que o processo das primeiras doses fica concluída e depois segue-se o das segundas doses.

Outros países mais ricos e com mais capacidade não o conseguiram fazer porque a própria população tinham movimentos fortes de negacionismo que não deixaram avançar [o processo de vacinação]”, afirmou o vice-almirante, afirmando estar “convencido” de que Portugal irá “encurralar” o vírus. “Muitas vezes sou elogiado e até a mais. Foi o sistema. Fui um reagente que ajudou o sistema. Mas os reagentes estavam lá todos para fazer as reações“, confessou.

O último relatório de vacinação divulgado na semana passada mostrava que 76% da população já tinha recebido a primeira dose e 66% tinha a vacinação completa. Porém, foi anunciado durante a semana passada que Portugal atingiu a meta de 70% da população totalmente vacinada, o que permitiu ao Governo avançar para a segunda fase do plano de desconfinamento.

Relativamente ao caso do queimódromo — onde o processo de vacinação foi suspenso após serem detetadas “falha na cadeia de frio” –, o vice-almirante não revelou se esse local de vacinação irá reabrir uma vez que está a aguardar pelos resultados da investigação. “Preciso de resultados concretos e não impressões”, justificou.

Em relação a uma fase posterior de vacinação, nomeadamente da eventual terceira dose para determinados grupos da população, Gouveia e Melo garantiu que o “não é necessário uma task force para vacinar 100 mil pessoas, o sistema de saúde tem capacidade para vacinar isso” através dos centros de saúde, por exemplo, até porque “vacina dois milhões de pessoas no inverno” todos os anos.

(Notícia atualizada às 11h02 com mais informação)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Portugal atinge 85% da população com primeira dose na próxima semana, diz Gouveia e Melo

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião