Antas da Cunha Ecija reforça equipa com quatro advogados

Andreia de Deus Rijo, Carolina Meireles, João Diogo Tavares e Tatiana Cardoso vão reforçar as áreas de comercial, societário, imobiliário, urbanismo e fiscal da Antas da Cunha Ecija.

A Antas da Cunha Ecija & Associados reforçou a sua equipa com quatro novos advogados: Andreia de Deus Rijo, Carolina Meireles, João Diogo Tavares e Tatiana Cardoso. Em comunicado, a firma garante que estas integrações vão reforçar as competências nas áreas de comercial, societário, imobiliário, urbanismo e fiscal.

Estamos particularmente entusiasmados com estas integrações. Reconhecemos grande competência nestes quatro advogados e estamos certos de que o seu contributo será de grande relevância para o escritório. As áreas de fiscal, societária, comercial e imobiliária têm registado um crescimento bastante assinalável nos últimos tempos. O conhecimento e a experiência que a Carolina, a Tatiana, a Andreia e o João trazem consigo, certamente nos ajudará, nas suas respetivas áreas, a prestar um serviço ainda mais completo e integrado, aos nossos clientes”, sublinha Fernando Antas da Cunha, managing partner da sociedade.

Carolina Meireles transita da PLMJ, onde ingressou em 2010. Integra a sociedade na qualidade de associada sénior. O seu trabalho será centrado nas áreas do Direito Comercial e Societário e do Direito Imobiliário e Urbanismo. Ao longo de quase 20 anos de profissão, adquiriu experiência em questões relacionadas com fusões e aquisições, capital privado, reorganizações corporativas, joint ventures e contratos comerciais.

Tatiana Cardoso trabalhou 12 anos na Caiado Guerreiro, sendo, desde 2019, sócia do escritório. Integra a Antas da Cunha Ecija & Associados como of counsel, onde será responsável pela coordenação da “French Desk” da sociedade. As suas áreas de atuação preferenciais são o Direito Fiscal, o Direito Imobiliário e a área de Private Clients.

Andreia de Deus Rijo integra a sociedade na qualidade de associada, depois de seis anos na Caiado Guerreiro, onde fez parte da equipa de Fiscal e de Private Clients. A sua prática profissional foca-se essencialmente no Direito Fiscal nacional e internacional, assessorando pessoas singulares e coletivas em operações de cariz diverso, incluindo constituição de estruturas de investimento, reorganizações societárias e financiamentos, com especial enfoque na resolução de questões relacionadas com a dupla tributação e impostos diretos e indiretos.

Por fim, João Diogo Tavares iniciou a sua atividade profissional em 2016 na sociedade de advogados BSGG. Entre 2017 e 2021 colaborou com a Martinez – Echevarria & Ferreira Advogados, onde concluiu o seu estágio e desenvolveu competências nas áreas do Direito Imobiliário, Societário e Imigração.

A firma de advogados criou ainda a French Desk ADCECIJA, uma unidade de negócio que será coordenada por Tatiana Cardoso, que se dedicará a apoiar empresas francófonas e particulares que elejam Portugal como destino de investimento e de residência.

“O aumento do investimento francês em Portugal, as vantagens associadas ao estatuto de residente não habitual e o número de franceses que elegem cada vez mais Portugal como local de residência permanente, despoletou a necessidade interna de disponibilizar aos nossos clientes francófonos, um serviço diferenciado, adaptado às suas necessidades e expectativas”, sublinha Fernando Antas da Cunha.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Antas da Cunha Ecija reforça equipa com quatro advogados

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião