BCP dispara mais de 6%, após apresentar resultados

A estrela da sessão é o BCP, cujos títulos disparam mais de 6%, após o banco ter revelado que viu os lucros crescerem 95% para 112,9 milhões no primeiro trimestre. 

A bolsa de Lisboa arrancou a sessão desta terça-feira em terreno positivo, liderando os ganhos na Europa. A estrela da sessão é o BCP, cujos títulos disparam mais de 6%, após o banco ter revelado que viu os lucros crescerem 95% para 112,9 milhões no primeiro trimestre.

Na Europa, o Stoxx 600 valoriza 0,58%, enquanto o alemão DAX soma 0,8% a par com o o britânico FTSE 100, o francês CAC-40 sobe 0,51% e o espanhol Ibex-35 valoriza 0,17%. Lisboa acompanha o sentimento positivo na Europa, com o PSI a somar 1,21% para os 5.811,18 pontos.

A estrela da sessão é o BCP, cujos títulos arrancaram a sessão a avançar 6,06% para 16,27 cêntimos por ação, mas chegaram a negociar acima dos 9% pelas 9h45, após o banco liderado por Miguel Maya ter comunicado ao mercado que registou um lucro de 112,9 milhões de euros no primeiro trimestre, um aumento de 95,2% face ao mesmo período do ano passado.

Ainda entre os “pesos pesados”, a Galp Energia valoriza 0,86% para 10,55 euros, contrariando a queda das cotações de petróleo nos mercados internacionais. O barril de brent, de referência europeia, recua 0,07% para 114,19 dólares, enquanto o WTI, negociado em Nova Iorque, recua 0,07% para 114,11 dólares.

No grupo EDP, a subsidiária EDP Renováveis soma 0,93% para 20,70 euros, enquanto que a “casa mãe” cede 0,05% para 4,444 euros. Ainda pelo setor energético, a REN valoriza 0,72% para 2,805 euros, numa altura em que está a negociar em ex-dividendo, ao passo que a GreenVolt sobe 2,75% para 6,72 euros.

Nota positiva ainda para a Altri, cujos títulos disparam 14,03% para 5,275 euros, bem como para a Sonae, que avança 2,85% para 1,027 euros, após ter anunciado que a Sonae IM chegou a acordo com a Thales Europe para vender a esta empresa a totalidade do capital social e os direitos de voto da Maxive – Cybersecurity, uma holding de cibersegurança.

(Notícia atualizada pela última vez às 8h33)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

BCP dispara mais de 6%, após apresentar resultados

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião