Bolsas europeias em queda ligeira à espera da inflação dos EUA

Lisboa também recua com pressão do setor da energia e do BCP. Investidores aguardam por dados da inflação que os EUA revelam esta quarta-feira.

As bolsas europeias arrancaram a sessão desta terça-feira com perdas ligeiras, incluindo Lisboa, com os investidores à espera dos dados sobre a evolução da taxa de inflação nos EUA, que podem dar pistas sobre os juros da Reserva Federal americana.

O PSI cai 0,23% para 6.145,07 pontos, com 11 cotadas a negociar abaixo da linha de água. O setor da energia está todo sob pressão: a EDP Renováveis perde 0,46% para 25,75 euros e a casa-mãe EDP recua 0,36% para 5,042 euros; a Galp cede 0,39% para 10,21 euros, num dia em que os preços do petróleo também perdem terreno; e a Greenvolt lidera as quedas, desvalorizando mais de 1% depois de ter disparado para máximos históricos na última sessão.

Com quatro ações em alta, a Semapa regista a maior subida em Lisboa, seguindo em alta de 1,24% para 14,68 euros.

Greenvolt lidera quedas

Lá por fora, sem evidenciarem uma grande tendência de queda, as ações europeias recuam cerca de 0,1% no arranque da sessão. As perdas em Madrid, Paris e Frankfurt situam-se entre 0,2% e 0,3%.

“Os dados da inflação na quarta-feira poderão efetivamente definir o sentimento para o resto do verão. Isto parece ser bastante dramático, mas se não conseguirmos ver uma queda na taxa de inflação principal, (…) isso pode realmente tirar o fôlego dos mercados de ações, pois seria muito difícil para o Fed para subir nada menos do que 75 pontos base em setembro”, disse Craig Orlam, analista da Oanda.

É essa subida que os mercados estão à espera que aconteça na reunião de setembro, depois do forte relatório do emprego divulgado nos EUA na sexta-feira.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Bolsas europeias em queda ligeira à espera da inflação dos EUA

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião