Catarina Martins: “Por uma vez PSD tem razão, descida da TSU é má”

  • Lusa
  • 16 Janeiro 2017

A líder bloquista reconheceu que, por uma vez, o PSD teve razão. O Bloco de Esquerda está ao lado do PSD na classificação da descida da TSU: "é má".

A coordenadora do Bloco de Esquerda (BE), Catarina Martins, sublinhou esta segunda-feira que “por uma vez” o PSD tem razão ao criticar a descida da Taxa Social Única (TSU) para as empresas, porque a medida “é má para o país”.

“É natural que haja uma certa perplexidade com a posição do PSD, sendo certo que o BE acha que por uma vez o PSD tem razão: a descida da TSU é má para o país“, advogou Catarina Martins, que falava aos jornalistas em Lisboa no final de uma ação com foco nos transportes públicos da capital, em concreto o metropolitano.

Sobre a TSU, que tem marcado a agenda noticiosa nos últimos dias, a líder do Bloco assinalou que o Governo “sempre soube que o BE não apoiaria” a medida, e justificou depois o porquê da contestação.

“O que [a descida da TSU] faz é promover salários baixos, para além de pôr os contribuintes a pagar um custo que não é seu, é das empresas”.

A descida da TSU está prevista no acordo de concertação social que consagrou o aumento do Salário Mínimo Nacional (SMN) para os 557 euros, mas tanto o Bloco de Esquerda como o PCP admitiram avocar a medida ao parlamento para a revogar, caso o Governo insista em mantê-la.

Contribua. A sua contribuição faz a diferença

Precisamos de si, caro leitor, e nunca precisamos tanto como hoje para cumprir a nossa missão. Que nos visite. Que leia as nossas notícias, que partilhe e comente, que sugira, que critique quando for caso disso. A contribuição dos leitores é essencial para preservar o maior dos valores, a independência, sem a qual não existe jornalismo livre, que escrutine, que informe, que seja útil.

A queda abrupta das receitas de publicidade por causa da pandemia do novo coronavírus e das suas consequências económicas torna a nossa capacidade de investimento em jornalismo de qualidade ainda mais exigente.

É por isso que vamos precisar também de si, caro leitor, para garantir que o ECO é económica e financeiramente sustentável e independente, condições para continuar a fazer jornalismo rigoroso, credível, útil à sua decisão.

De que forma? Contribua, e integre a Comunidade ECO. A sua contribuição faz a diferença,

Ao contribuir, está a apoiar o ECO e o jornalismo económico.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Catarina Martins: “Por uma vez PSD tem razão, descida da TSU é má”

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião