Atividade económica estabilizou em abril

  • Lusa
  • 21 Junho 2017

O indicador do INE que mede a atividade económica em Portugal estabilizou em abril, depois de subidas no primeiro trimestre do ano.

O indicador de clima económico em Portugal prolongou em maio a subida registada desde o início do ano, enquanto o indicador de atividade económica estabilizou em abril, após ter aumentado no mês anterior, divulgou hoje o INE.

Segundo o Instituto Nacional de Estatística (INE), o indicador de clima económico (calculado através de inquéritos a empresas de vários setores de atividade) subiu para os 2,0 pontos em maio (1,8 pontos em abril e 1,6 pontos em março do ano anterior). O indicador de clima económico tem vindo a aumentar desde janeiro, após ter diminuído nos três meses anteriores.

Já o indicador de atividade económica estabilizou em abril nos 2,5 pontos já registados em março, após ter interrompido no mês anterior o perfil positivo observado desde agosto.

O indicador quantitativo do consumo privado aumentou em abril, refletindo a aceleração do consumo corrente, tendo também o indicador de Formação Bruta de Capital Fixo (FBCF) acelerado, “prolongando a expressiva trajetória ascendente iniciada em junho de 2016, em resultado do contributo positivo mais acentuado da componente de material de transporte”.

De acordo com o INE, em abril a atividade económica na perspetiva da produção “revelou um abrandamento, tendo os índices de volume de negócios da indústria e dos serviços, bem como os índices de produção da indústria e da construção desacelerado em termos homólogos”.

“Refira-se que o comportamento de alguns indicadores poderá estar influenciado por efeitos de calendário (mais dois dias úteis no trimestre terminado em março e menos dois dias úteis em abril, face aos mesmos períodos do ano anterior)”, nota.

Na Área Euro (AE), os indicadores de confiança dos consumidores e de sentimento económico aumentaram em maio.

No mesmo mês, os preços das matérias-primas e do petróleo registaram variações em cadeia de 0,5% e -6,7% respetivamente (-2,3% e 1,0% em abril).

O INE reporta ainda que as exportações e importações de bens apresentaram em abril variações homólogas de 11,1% e 11,8%, respetivamente (17,1% e 15,4% em março).

Em abril, a estimativa provisória mensal para a taxa de desemprego (15 a 74 anos), ajustada de sazonalidade, manteve-se inalterada em 9,8% face ao valor definitivo do mês anterior (taxas de 10,1% em janeiro e 11,6% em abril de 2016).

A estimativa da população empregada (15 a 74 anos), ajustada de sazonalidade, apresentou um crescimento homólogo de 2,9%, traduzindo um abrandamento face ao mês anterior (taxa de variação de 3,5%), e uma diminuição em cadeia de 0,1% (aumento de 0,4% em março).

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Atividade económica estabilizou em abril

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião