Lazard compra 6,75% da REN e passa a terceiro maior acionista

Fundo de investimento americano tornou-se no terceiro maior acionista da gestora da rede elétrica nacional. Mas comunicação ao mercado surge com um mês de atraso. Posição de quase 7% vale 100 milhões.

A Lazard comprou uma posição de 6,75% na REN RENE 0,86% e tornou-se no terceiro maior acionista da gestora da rede elétrica nacional com uma participação total de 6,917%, apenas atrás da chinesa State Grid e da Oman Oil. Não foram revelados muitos mais detalhes acerca de uma operação cujo anúncio surge com um mês de atraso.

Sabe-se que a 30 de junho este fundo de investimento norte-americano com sede nas Bahamas já detinha 3,63% das ações da cotada liderada por Rodrigo Costa, de acordo com os dados da Bloomberg. Entretanto, a Lazard voltou a reforçar a sua posição na REN durante o mês de julho, passando a deter agora quase 7%.

Ainda assim, só esta terça-feira é que esse reforço de posição foi comunicado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), num documento datado precisamente de 30 de junho. Ou seja, a comunicação ao mercado surge mais de um mês depois de a Lazard ter obtido uma participação qualificada na REN, quando o Código de Valores Mobiliários estabelece o prazo máximo de dois dias de negociação após a ocorrência do facto.

Sem adiantar explicações para este atraso, nem a forma adquiriu os títulos — se dentro ou fora do mercado regulamentado — nem o preço, a Lazard informa que passou a deter diretamente quase 37 milhões de ações da REN, uma posição atualmente avaliada em 102,95 milhões de euros.

A Lazard torna-se assim no terceiro maior acionista da gestora da rede elétrica, apenas superada pela chinesa State Grid (25%) e pela Oman Oil (15%).

Há uma semana, a REN reportou uma subida de quase 31% do lucro para 53 milhões de euros no primeiro semestre do ano.

Ações da REN valorizam

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Lazard compra 6,75% da REN e passa a terceiro maior acionista

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião