A tarde num minuto

  • Rita Frade
  • 28 Dezembro 2017

Não teve tempo de ler as notícias esta tarde? Fizemos um best of das mais relevantes para que fique a par de tudo o que se passou, num minuto.

Esta tarde, o Presidente da República foi internado, no Hospital Curry Cabral, para ser operado a uma hérnia umbilical. A EDP anunciou que vai aumentar os preços em 2,5% no próximo ano.

A EDP Comercial vai avançar com um aumento médio de 2,5% das tarifas de eletricidade. Na prática, isto vai significar uma subida média de um euro na fatura mensal das famílias portuguesas. Esta alteração entra em vigor a partir de 18 de janeiro.

A EDP vai aumentar os preços da energia dos clientes do mercado liberalizado e está a informar por carta ou por email dessa revisão das tarifas, que terá efeitos a partir de 18 de janeiro. Contudo, em momento algum a empresa liderada por António Mexia faz referência ao agravamento de 2,5%. Fala apenas numa “atualização”.

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, foi esta quinta-feira internado de urgência para ser operado a uma hérnia umbilical. A intervenção cirúrgica “correu bem” e o Presidente retoma a agenda a 1 de janeiro.

O Governo vai nomear o jornalista Nicolau Santos presidente do Conselho de administração da agência Lusa, substituindo Teresa Marques no cargo, disse o gabinete do Ministério da Cultura.

São muitos os que tentam prever o que vai acontecer nos mercados, mas não é tarefa fácil. Daí que outros tantos se socorram dos adágios, desempenhos verificados historicamente que, por vezes, acabam por ser bons conselheiros para os investidores. Podem ajudar a ganhar muito… ou a perder pouco.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

A tarde num minuto

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião