MLGTS apoia EDP na venda de créditos tarifários ao Santander

A equipa da MLGTS foi liderada pelo sócio de energia e M&A Ricardo Andrade Amaro e contou ainda com a participação da associada Joana Alves Abreu. O Santander foi assessorado por uma equipa da VdA.

A Morais Leitão, Galvão Teles, Soares da Silva & Associados (MLGTS) assessorou a EDP na cessão ao banco Santander de um montante cerca de 100 milhões de euros de créditos emergentes do direito a recuperar os sobrecustos com a aquisição de energia elétrica aos produtores em regime especial que beneficiem de remuneração garantida relativos ao ano de 2017. Esta transação foi anunciada pela EDP no passado dia 29 de Janeiro.

A equipa da MLGTS foi liderada pelo sócio de energia e M&A Ricardo Andrade Amaro e contou ainda com a participação da associada Joana Alves Abreu. O Santander foi assessorado por uma equipa da VdA.

A Morais Leitão, Galvão Teles, Soares da Silva & Associados (MLGTS) é uma sociedade com uma equipa de mais de 200 advogados, com escritórios em Lisboa, Porto e Funchal, tendo desenvolvido ao longo dos anos uma estratégia de internacionalização, nomeadamente através da MLGTS Legal Circle, rede de parcerias com escritórios locais em Angola, Macau (China) e Moçambique que permite a constituição de equipas integradas nas mais complexas matérias multijurisdicionais.

Comentários ({{ total }})

MLGTS apoia EDP na venda de créditos tarifários ao Santander

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião