Direção do ARBITRARE reeleita para triénio 2018-2020

Os membros da direção do Arbitrare, centro de arbitragem, foram reeleitos por unanimidade, com a presidência a manter-se a cargo de Joana Borralho de Gouveia.

Deu-se hoje a Assembleia Geral do ARBITRARE, onde foram reeleitos os membros da direção deste centro de arbitragem para o triénio de 2018 a 2020.

A presidência do centro mantém-se, assim, a cargo de Joana Borralho de Gouveia. Permanecem como vogais a Associação da Economia Digital (ACEPI) e a Associação Industrial Portuguesa & Câmara de Comércio e Indústria (AIP/CCI).

Sobre o ARBITRARE

O ARBITRARE é, desde 2009, um centro de arbitragem institucionalizada orientado para a resolução de conflitos em matérias de propriedade industrial, nomes de domínio de .pt e firmas e denominações. Atua através de meios de resolução alternativa de litígios, como a mediação e a arbitragem.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Direção do ARBITRARE reeleita para triénio 2018-2020

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião