Bitcoin dispara mais de 17% em apenas uma hora

Entre as 11h30 e as 12h40 desta quinta-feira, o valor da bitcoin disparou mais de 17%. Poderá ser um aliviar da pressão face aos receios de uma regulação mais apertada.

É um dia excecionalmente positivo para os detentores de bitcoin. O valor da criptomoeda disparou 17% esta quinta-feira, num movimento repentino que pôs a divisa a cotar novamente acima dos 8.000 dólares, avançou a CNBC. Entre as 11h30 e as 12h40, a moeda escalou dos 6.849 dólares até um máximo de 8.036,10 dólares, segundo dados da corretora Bitfinex. Desde então, a bitcoin está a corrigir para perto dos 7.719 dólares cada moeda, que é, mesmo assim, uma valorização de 12,41% face à sessão anterior.

É difícil apurar o que terá provocado esta subida. No entanto, a CNBC apresenta uma possível explicação: poderá ser um aliviar da pressão face aos receios de uma regulação mais apertada em alguns dos principais mercados para a criptomoeda.

Além disso, a CNBC cita Nick Kirk, cientista de dados da corretora de moedas virtuais Cypher Capital, que dá ainda outra hipótese: “O rácio de posições de venda face às posições de compra tem vindo a aumentar recentemente. O volume de compras subiu hoje e muitas destas posições curtas foram liquidadas, ajudando a dar gás à subida.”

Evolução do preço da bitcoin esta quinta-feira. Valores em dólares.Webull/Bitfinex

Esta subida expressiva num período relativamente curto também ilustra a volatilidade destes ativos. As criptomoedas têm mostrado ser permeáveis a vários riscos, como a manipulação do mercado ou outro tipo de fraudes. Por isso, tem estado sob pressão desde o início deste ano, face aos receios de que as autoridades chinesas e sul-coreanas apertem a regulação a esta atividade.

A bitcoin ganhou bastante popularidade no ano passado, depois de multiplicar o seu valor por 11 e namorar um máximo muito próximo dos 20.000 dólares.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Bitcoin dispara mais de 17% em apenas uma hora

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião