Revista de imprensa internacional

A construtora Odebrecht vai realizar a maior empreitada desde a operação Lava Jato, avaliada em quase 500 milhões de euros. Warren Buffett reforça na Apple e compra mais 75 milhões de ações.

A construtora brasileira Odebrecht vai fazer um megaporto multicargas no Estado brasileiro do Espírito Santo. Será a maior empreitada da empresa desde a operação Lava Jato. O multimilionário Warren Buffett reforçou na Apple, ao comprar mais 75 milhões de ações da fabricante do iPhone entre janeiro e março. Este ano, não há Prémio Nobel da Literatura. Estes são alguns dos temas que estão a marcar a atualidade internacional.

Valor Econômico

Odebrecht consegue a maior empreitada desde a Lava Jato

A construtora Odebrecht vai levar a cabo a maior obra desde a operação Lava Jato. A empresa assinou um acordo com a Petrocity Portos para construir um megaporto multicargas no Estado brasileiro do Espírito Santo. A obra tem um valor estimado na ordem dos 2,1 mil milhões de reais, ou cerca de 494,5 milhões de euros. Leia a notícia completa no Valor Econômico (acesso pago/conteúdo em português).

Financial Times

Nobel da Literatura não vai ser entregue este ano

O Prémio Nobel da Literatura vai ser suspenso este ano. Em causa estão as alegações de assédio sexual contra o marido de um membro da academia e que levou quase metade dos membros a deixarem os cargos, em protesto pela forma como a situação foi gerida. Assim, a academia sueca decidiu que, este ano, o Nobel da Literatura não vai ser atrbuído. Leia a notícia completa no Financial Times (acesso pago/conteúdo em inglês).

CNBC

Warren Buffett comprou mais 75 milhões de ações da Apple

O multimilionário Warren Buffett, através da Berkshire Hathaway, comprou mais 75 milhões de ações da Apple, a fabricante do iPhone. A compra foi feita no primeiro trimestre deste ano e estes títulos somam-se às 165,3 milhões de ações que a empresa de Buffet já detinha no final de 2017. Leia a notícia completa na CNBC (acesso gratuito/conteúdo em inglês).

Veja

A vida de Lula da Silva na prisão

A revista brasileira Veja teve acesso à ala restrita da Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba, onde o ex-Presidente brasileiro, Lula da Silva, se encontra preso há 30 dias. A revista conta alguns detalhes sobre o quotidiano do antigo chefe de Estado: “não tem hora para acordar ou dormir, não tem hora para o banho de sol, pode receber os advogados quando desejar, as visitas não passam pela revista íntima e a cela, confortável se comparada às demais, não fica trancada”. Lula da Silva tem alguns benefícios face aos demais reclusos devido ao cargo que ocupou. Leia da reportagem completa na Veja (acesso gratuito/conteúdo em português).

Bloomberg

UberEATS aceita restaurantes com baixos padrões de higiene

Em Londres, as empresas de distribuição de comida UberEATS e Deliveroo listaram no seu serviço pelo menos 23 restaurantes que tiveram uma pontuação de zero em cinco pela entidade britânica que regula o setor alimentar. Em causa, padrões de higiene e segurança que abrangem a forma como os alimentos são manuseados, a limpeza das instalações ou mesmo o controlo de pragas. Estas são duas das maiores aplicações de distribuição rápida de refeições na Europa e a UberEATS também tem operações em Portugal. Leia a notícia completa na Bloomberg (acesso gratuito/conteúdo em inglês).

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Revista de imprensa internacional

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião