Wall Street cai com um olho no imobiliário e outro na Fed

Ações da Home Depot e da Caterpillar cedem depois dos maus dados sobre o mercado imobiliário americano. Investidores aguardam pelo discurso do presidente da Fed, depois de inversão no rumo dos juros.

Wall Street abriu a sessão desta terça-feira com um “pé atrás”, penalizada pelos maus desempenhos de Home Depot e da Caterpillar, enquanto os investidores aguardam pelo importante discurso do presidente da Reserva Federal norte-americana, Jerome Powell, sobre o rumo da política monetária na maior economia do mundo.

O índice de referência mundial, o S&P 500, cede 0,19% para pontos. Também o industrial Dow Jones e o tecnológico Nasdaq perdem 0,44% e 0,18%, respetivamente.

Em termos empresariais, a Home Depot, retalhista de produtos para lar e construção civil, recua 2,76% para 184,73 dólares, depois de ter apresentado perspetivas de resultados desapontantes numa altura em que o mercado imobiliário norte-americano começa a perder gás. A rival Lowe também cai 0,63 %, depois de um relatório do Departamento do Comércio dos EUA ter mostrado que a construção de casas está em mínimos de dois anos. Neste cenário, também a Caterpillar, uma das maiores fabricantes de equipamento e máquinas para obras, cede mais de 3% para 136,77 dólares.

Também a Tesla está a cair 1,23% para 295 dólares, depois de o polícia do mercado norte-americano ter pedido ao tribunal para acusar o CEO, Elon Musk, de desrespeito por ter divulgado informações relevantes em tweets que publicou naquela rede social, violando uma ordem judicial.

Os mercados do outro lado do Atlântico têm apresentado ganhos expressivos desde o início do ano, perante o otimismo dos investidores em relação à guerra comercial entre os EUA e a China. Ainda esta segunda-feira Donald Trump disse no Twitter que está confiante num entendimento nesse sentido, isto depois de ter adiado a subida das tarifas alfandegárias sobre produtos chineses.

“A Caterpillar e a Home Depot estão a preocupar os investidores porque talvez perceberam que a recuperação nos preços das ações veio demasiado cedo”, referiu Rick Meckler, da Cherry Lane, citado pela Reuters. “Mas agora os mercados estão num ponto consideravelmente mais alto do que estava no início do ano e o foco está agora em saber se a subida dos mercados foi demasiado rápida”, disse.

Para esta terça-feira está agendado o testemunho de Jerome Powell no Senado americano sobre política monetária e que vai merecer a atenção dos investidores, sobretudo depois de a Fed ter mudado a sua orientação em relação a eventuais aumentos das taxas de juro.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Wall Street cai com um olho no imobiliário e outro na Fed

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião