Caso das golas inflamáveis é “gravíssimo”, diz Rui Rio

  • ECO
  • 29 Julho 2019

Para o líder do PSD, a polémica à volta da venda e distribuição das golas inflamáveis é bastante grave e "não tem pés nem cabeça".

Rui Rio considera que o polémico caso dos kits inflamáveis que foram distribuídos pela Proteção Civil é “gravíssimo“. Em declarações aos jornalistas, o líder dos social-democratas falou também nos incêndios, atirando a culpa ao Governo.

“Aquilo que temos em cima da mesa é que há uma empresa constituída e que se dirige ao setor do turismo que vende golas, golas essas que são inflamáveis. Logo aí a coisa tem diversos males”, começou por dizer Rui Rio, esta segunda-feira. “Se isto for verdade, se se confirmar o que diz a comunicação social, obviamente que isto é gravíssimo. Não tem pés nem cabeça”, acrescentou.

Questionado sobre os incêndios que alastraram no distrito de Castelo Branco, o social-democrata assinalou que, “no fim, a responsabilidade é do Governo” e não dos autarcas, da comunicação social, nem da Proteção Civil. E, continuou, afirmando que, contrariamente ao que o ministro da Administração Interna disse, “se estivesse tudo bem coordenado e seguro, não tinha acontecido o que aconteceu”.

Sobre as declarações de Eduardo Cabrita, que defendeu que o tema dos incêndios “não deve servir para conflitualidades pré-eleitorais, nem para controvérsias estéreis”, Rui Rio voltou a criticar, afirmando que “o ministro não pode dizer que o Governo não se pode sujeitar a um julgamento político”, porque aos “portugueses compete ver o que correu mal” e “à oposição compete apontar dedos”.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Caso das golas inflamáveis é “gravíssimo”, diz Rui Rio

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião