Centeno decide recandidatura ao Eurogrupo “mais perto” de julho

  • ECO
  • 17 Janeiro 2020

O presidente do Eurogrupo deu uma entrevista a um jornal alemão onde mantém em aberto o que fará quando o mandato terminar. Apesar dos apoios de peso, Mário Centeno não abre o jogo.

13 de julho. É este o dia em que termina o mandato de Mário Centeno à frente do Eurogrupo. O ministro português das Finanças terá apoios de peso se quiser continuar, mas a decisão só será tomada perto daquela data, declarou o próprio em entrevista ao jornal alemão Süddeutsche Zeitung.

“Decidirei mais perto dessa data”, disse ao jornal. O ministro português das Finanças está neste momento a defender o quinto Orçamento do Estado, que será o primeiro com excedente nas contas públicas.

O futuro político de Mário Centeno como ministro das Finanças e como presidente do Eurogrupo é um tema tabu. Na frente interna, o ministro das Finanças vai dando sinais de cansaço, no Governo já sobraram notas de alguma divergência, mas no debate do Orçamento do Estado para 2020 (OE2020) não faltaram elogios ao ministro. Afinal, como disse o número 2 do Governo, Pedro Siza Vieira, o excedente de 0,2% do PIB foi a “estrela” do debate deste OE.

A decisão sobre se Mário Centeno fica ou sai do Governo agora não estará desligada do calendário de dança das cadeiras que se avizinha. Em junho, Carlos Costa termina o mandato como governador do Banco de Portugal – Centeno já disse que não vê qualquer conflito de interesses em passar do Terreiro do Paço para a Rua do Ouro – e em julho finda o mandato como presidente do Eurogrupo.

Na mesma entrevista, o presidente do Eurogrupo — o fórum que junta os ministros das Finanças da Zona Euro — continua confiante num acordo sobre o sistema europeu de garantia de depósitos da União Europeia, que vai substituir os atuais seguros de depósito a nível nacional. As negociações decorrem até 2024.

“Trabalhamos de acordo com o lema: nada é acordado até que tudo esteja acertado. Muitas coisas são consideradas inaceitáveis, especialmente se forem vistas isoladamente, mas no final você pode concordar com elas como parte de um pacote”, disse.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Centeno decide recandidatura ao Eurogrupo “mais perto” de julho

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião