5 coisas que vão marcar o dia

Máximo dos Santos, Costa Silva, Mendes Godinho e Temido vão passar, esta quarta-feira, pela Assembleia da República. O Eurostat revela como tem evoluído o comércio internacional.

O “consultor” do Executivo de António Costa vai ao Parlamento explicar o Plano de Recuperação. À Assembleia da República também irá o presidente do Fundo de Resolução, mas para responder sobre o Novo Banco. Já Mendes Godinho e Temido estarão junto dos deputados para darem esclarecimentos sobre os surtos de Covid-19 nos lares. Esta quarta-feira é dia de duplo leilão de bilhetes do Tesouro, enquanto o Eurostat divulga os dados do comércio internacional relativos a julho.

Máximo dos Santos no Parlamento

O presidente do Fundo de Resolução é ouvido, esta quarta-feira, na Comissão de Orçamento e Finanças. Máximo dos Santos vai responder às perguntas dos deputados sobre a alienação das carteiras de imóveis e créditos detidos pelo Novo Banco. Sobre o mesmo tema já foi questionado, esta terça-feira, o presidente do Novo Banco, António Ramalho.

Costa Silva questionado sobre Plano de Recuperação

O “consultor” do Executivo de António Costa, António Costa Silva, vai esta quarta-feira ao Parlamento para responder às questões dos deputados da Comissão de Economia sobre o Plano de Recuperação para as próximas duas décadas. Isto por requerimento do PS. O documento final foi apresentado esta terça-feira, depois de ter estado sob consulta pública, e traz algumas alterações face à proposta original. Por exemplo, o turismo é autonomizado devido ao papel fulcral que tem na economia nacional.

Mendes Godinho e Temido falam sobre lares

A Ministra da Saúde e a Ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social rumam, esta quarta-feira, à Assembleia da República. Ana Mendes Godinho e Marta Temido serão ouvidas numa audição conjunta da Comissão do Trabalho e Segurança Social e da Comissão de Saúde sobre os vários surtos de Covid-19 registados nos lares, nomeadamente o de Reguengos de Monsaraz, onde morreram 18 pessoas. Isto depois de Mendes Godinho ter admitido não ter lido o relatório da Ordem dos Médicos sobre essa última situação.

É dia de leilão de bilhetes do Tesouro

A Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública (IGCP) vai realizar, esta quarta-feira, um leilão duplo de bilhetes do Tesouro a seis e 12 meses. Portugal pretende, assim, financiar-se até 1.750 milhões de euros. O mercado de dívida tem beneficiado das sucessivas medidas dos bancos centrais. Portugal tem, por isso, conseguido financiar-se a baixos custos.

Como está a evoluir o comércio internacional?

O Gabinete de Estatísticas da União Europeia publica, esta quarta-feira, os dados relativos à evolução do comércio internacional em julho deste ano. No mês anterior, o excedente da balança comercial externa tinha aumentado face ao período homólogo para 21,2 mil milhões de euros, na Zona Euro. Ainda assim, por causa da pandemia de coronavírus, entre janeiro e junho, o saldo ficou significativamente abaixo (85,9 mil milhões de euros) do que se tinha verificado no mesmo período de 2019 (95,8 mil milhões de euros).

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

5 coisas que vão marcar o dia

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião