“PS é favorável à proposta de adoção do estado de emergência”

Os socialistas vão apoiar o Governo na decisão de decretar o estado de emergência no país, face ao evoluir da situação epidemiológica.

Os socialistas vão apoiar o Governo na decisão de pedir ao Presidente da República para que seja decretado o estado de emergência nacional. Em declarações aos jornalistas, José Luís Carneiro diz concordar com a decisão, desde que esta seja “limitada no tempo e proporcional às necessidades”.

“O Governo entende ser necessário ter instrumentos legais para poder atuar no controlo da pandemia”, começou por dizer o secretário-geral adjunto do PS esta segunda-feira, à saída de uma reunião com Marcelo Rebelo de Sousa. “Acabámos de transmitir ao Presidente da República que o PS é favorável à proposta de adoção do estado de emergência”, afirmou.

José Luís Carneiro demonstrou, assim, o apoio dos socialistas ao Governo, mas sublinhou que a proposta tem de ser, “naturalmente, limitada às necessidades”. “O PS é favorável à adoção de medidas limitadas no tempo, adequadas e proporcionais às necessidades”, completou.

Nesse sentido, enumerou quatro pontos que devem ser assegurados: “medidas que tenham em vista limitar movimentos”, “controlo de temperatura no acesso aos serviços públicos”, “utilização dos meios e recursos de saúde” públicos, privados e sociais e mobilização dos “funcionários da administração pública e privada que têm condições para reforçar as autoridades de saúde”.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

“PS é favorável à proposta de adoção do estado de emergência”

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião