Nos afunda 5,8%. Lisboa cai 1,5% após cinco sessões a ganhar

Ações da telecom liderada por Miguel Almeida tiveram o pior dia desde julho, levando a bolsa nacional a interromper um ciclo de cinco sessões de ganhos.

A bolsa portuguesa interrompeu um ciclo de cinco sessões de ganhos, num dia em que a Nos afundou mais de 5% depois de a Anacom ter avançado com o regulamento para o leilão de 5G em Portugal e com o qual a operadora discorda e vai contestar em tribunal.

As ações da Nos caíram 5,81% para 2,916 euros, naquele que foi o pior desempenho da telecom liderada por Miguel Almeida desde 1 de julho.

Quanto ao PSI-20, o principal índice português caiu esta sexta-feira 1,57% para 4.040,86, depois de cinco sessões em alta. Apenas quatro cotadas encerraram acima da linha de água, com a Corticeira Amorim a liderar os ganhos (subiu 2,56%), um dia depois de ter apresentado lucros de 49 milhões nos primeiros nove meses do ano.

Nos afunda

Entre os pesos pesados, a EDP Renováveis caiu 2,55% para 16,82 euros, enquanto a casa-mãe EDP perdeu 1,60%. BCP e Galp recuaram 1,81% e 1,70%, respetivamente.

Lisboa acompanhou as perdas que se registaram um pouco por toda a Europa e que também se observava do outro lado do Atlântico. O Stoxx 600 caiu 0,2%. O Ibex-35 de Madrid e o CAC-40 de Paris perderam 0,5% e 0,6%, enquanto o DAX-30 de Frankfurt desvalorizou 0,57%.

A penalizar os índices europeus esteve o aumento do número de casos de Covid-19 na Europa, o que tem motivado muitos países a avançarem com medidas de restrição e confinamento (com impacto na economia e nos resultados das empresas) para travar a segunda vaga. Isto enquanto os investidores aguardam por novidades em relação às eleições presidenciais nos EUA. Joe Biden está mais perto da Casa Branca.

(Notícia atualizada às 16h55)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Nos afunda 5,8%. Lisboa cai 1,5% após cinco sessões a ganhar

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião