TTR. Uría Menéndez – Proença de Carvalho lidera valor de operações de M&A com 488 milhões de euros

Segundo o relatório da TTR, nos primeiros cinco meses de 2021 as maiores operações de M&A foram assessoradas pela Uría, PLMJ, VdA, Garrigues e SRS Advogados.

O recente ranking da TTR – Transactional Track Record, com análise do período entre 1 de janeiro e 31 de maio de 2021, revela quais foram os principais escritórios de advogados e legal advisors, nas principais operações de M&A, Venture Capital, Private Equity e Asset Acquisition. A Uría Menéndez-Proença de Carvalho liderou por valor total das operações, cerca de 489 milhões de euros. A SRS Advogados liderou o ranking de assessores jurídicos por número de transações, com nove.

Segundo o relatório da TTR, nos primeiros cinco meses de 2021 foram realizadas 141 transações que se traduziram num valor total de 3.173 milhões de euros. Das quatro áreas, M&A destacou-se com 58 transações (1.543 milhões de euros), seguida por Asset Acquisition com 40 transações (596 milhões de euros), Venture Capital com 35 transações (829 milhões de euros), e Private Equity com oito transações (204 milhões de euros).

Em maio de 2021, o TTR selecionou como transação do mês a aquisição da Imperial Chocolates pela espanhola Chocolates Valor. A operação contou com a assessoria jurídica da Telles Advogados e da Cuatrecasas.

Veja aqui todos os rankings.

M&A, Private Equity, Venture Capital e Asset Acquisitions

As sociedades em destaque são a Uría Menéndez-Proença de Carvalho, com um valor de 488,99 milhões de euros, seguida pela PLMJ, com 272 milhões, e a fechar o top 3 a VdA com um valor total de 200 milhões de euros. Também com valores a ultrapassar os 100 milhões de euros está a Garrigues (175,84 milhões de euros) e a SRS Advogados (100,61 milhões de euros).

No que concerne ao número de transações em M&A, Private Equity, Venture Capital e Asset Acquisitions a liderar a tabela ficou a SRS Advogados, como 9, seguida pela PLMJ (8) e Uría Menéndez – Proença de Carvalho (4). No top 6 ficou também a Morais Leitão, a Cuatrecasas e a Telles Advogados com 4 negócios cada.

Já relativamente aos “dealmakers“, advogados que centram a sua prática na área de M&A, Private Equity, Venture Capital e Asset Acquisitions, sete sociedades de advogados estão representadas no top 10, face ao valor de transações, sendo a VdA com o maior número de distinções (7). Duarte Schmidt Lino, sócio da PLMJ, ocupa o lugar cimeiro da tabela com quatro transações que se traduzem em 269 milhões de euros.

O advogado que somou um maior número de transações nestas áreas foi Paulo Bandeira, sócio da SRS Advogados, com 7. No top 5 ficou ainda Duarte Schmidt Lino da PLMJ com 4, Cláudia da Cruz Almeida da VdA, Antonio Villacampa Serrano da Uría Menéndez-Proença de Carvalho, e Vasco Bivar de Azevedo da Cuatrecasas com 2 transações cada.

Os “rising star dealmakers” na área de M&A, Private Equity, Venture Capital e Asset Acquisitions pertencem a três firmas: VdA, como 27 destacados, Uría Menéndez-Proença de Carvalho, com 2 advogados destacados, e PLMJ, com 1.

Constatando o número de transações, o advogado rising star pertence à SRS Advogados: Solange Fernandes, como 6 transações. No top 5 ficou ainda Luís Roquette Geraldes da Morais Leitão com 3, Giorgio Galli da SRS Advogados com 3, Frederico Pinho Vieira da Uría Menéndez-Proença de Carvalho com 2, José António Reymão Nogueira da Uría Menéndez-Proença de Carvalho com 2, e Miguel Stokes também da Uría Menéndez-Proença de Carvalho com 2.

Private Equity

Na área de Private Equity as sociedades em destaque são a Uría Menéndez-Proença de Carvalho, a PLMJ, a VdA, com um valor de 200 milhões de euros cada, e a SRS Advogados, com 4 milhões de euros.

Já relativamente ao número de transações, a Uría Menéndez-Proença de Carvalho ficou em primeiro lugar, com 3 transações, seguida pela PLMJ (2) e Vda (2).

Venture Capital

Na área de Venture Capital as sociedades em destaque são a Garrigues, com um valor de 175,84 milhões de euros, a Uría Menéndez-Proença de Carvalho, com 168,99 milhões de euros, e a SRS Advogados, com 96,61 milhões de euros.

Já relativamente ao número de transações, a SRS Advogados ficou em primeiro lugar, com 8 transações, seguida pela Morais Leitão (3), Garrigues (2) e Cuatrecasas (2).

Equity Capital Markets

A Morais Leitão, a DLA Piper ABBC e a Uría Menéndez-Proença de Carvalho foram as três sociedades referenciadas com as transações de Equity Capital Markets de maior valor, 1.500 milhões de euros. Relativamente ao número de transações, cada uma interveio em uma.

Já relativamente aos “dealmakers” na área de Equity Capital Markets, três sociedades de advogados estão representadas: DLA Piper ABBC, Morais Leitão e Uría Menéndez-Proença de Carvalho. Nove advogados dividem o lugar cimeiro da tabela, tendo em conta tanto o número de transações como o valor das mesmas.

Os “rising star dealmakers” na área de Equity Capital Markets pertencem à Morais Leitão e à Uría Menéndez-Proença de Carvalho. Os três advogados destacados participaram em uma transação no valor estimado de 1.500 milhões de euros.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

TTR. Uría Menéndez – Proença de Carvalho lidera valor de operações de M&A com 488 milhões de euros

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião