Wall Street em alta à boleia de Jerome Powell

Wall Street está em "terreno positivo", com as tecnológicas a destacarem-se. Os investidores reagem positivamente às declarações do presidente da Fed, que veio afastar uma subida de juros nos EUA.

Os mercados norte-americanos estão a valorizar, mas muito ligeiramente. A puxar pelas bolsas está o facto de o presidente da Reserva Federal dos Estados Unidos ter dito, no Congresso norte-americano, que considera que o agravamento da inflação é apenas temporário.

O índice de referência em Wall Street, o S&P 500, está a valorizar 0,07% para 4.249,27 pontos. Também no verde, o industrial Dow Jones sobe 0,01% para 3.3948,54 pontos e o tecnológico Nasdaq avança 0,07% para 14.263,381 pontos.

Os investidores estão expectantes face aos dados da atividade empresarial. Mas a animar, para já, a negociação estão as palavras de Jerome Powell que disse considerar que o agravamento da inflação é apenas temporário. Os investidores temiam uma subida das taxas de juro mais cedo do que inicialmente se esperava, mas os comentários do presidente da Reserva Federal vieram aliviar os receios.

Nesta sessão, destaque para as cotadas tecnológicas, que estão a recuperar depois de terem estado entre as mais castigadas pelo referido nervosismo dos investidores. Os títulos do Facebook sobem 0,5% para 340,73 dólares, os da Apple avançam 0,097% para 134,11 dólares, os da Amazon somam 0,16% para 3.511,17 dólares e os da Microsoft valorizam 0,12% para 265,83 dólares. De notar que a gigante fundada por Bill Gates atingiu, na terça-feira, a marca dos dois biliões de dólares de capitalização bolsista.

Também no “verde”, as ações do Goldman Sachs avançam 0,6% para 359,79 dólares, as do JPMorgan sobem 0,33% para 150,71 dólares, as do Morgan Stanley somam 0,51% para 86,12 dólares e as do Bank of America valorizam 0,79% para 40,28 dólares. Em causa estão cotadas mais sensíveis à evolução das taxas de juro, daí estarem a beneficiar dos comentários de Jerome Powell.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Wall Street em alta à boleia de Jerome Powell

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião