Rock ‘n’ Law: Sem evento em 2021, advogados vão doar 35.000 euros ao programa Abem

O anúncio foi feito nas redes sociais: em 2021 não haverá Rock 'n' Law. Ainda assim, os advogados juntaram-se e vão doar 35.000 euros ao Abem: Rede Solidária do Medicamento da Associação Dignitude.

Após 12 edições, incluindo uma em formato digital, o Rock ‘n’ Law decidiu não realizar a edição de 2021. Segundo anunciou a organização do evento nas redes sociais, “a segurança e saúde de todos são uma das maiores preocupações da comunidade”.

Ainda assim, a organização vai “ajudar quem mais precisa”. As sociedades de advogados organizadoras decidiram fazer um donativo no valor de 35.000 euros ao Abem: Rede Solidária do Medicamento da Associação Dignitude.

O projeto escolhido permite o acesso ao medicamento a pessoas carenciadas. “38,4% dos medicamentos comparticipados são para o sistema nervoso, e com o apoio do Rock ‘n’ Law o programa abem irá ajudar 350 portugueses no acesso aos medicamentos, contribuindo para a estabilidade e melhoria da saúde mental em Portugal“, refere a organização.

Sobre o reencontro e festa presencial uma promessa fica feita: “uma nova causa, a mesma dedicação e, porventura, um novo palco! Voltamos com a nossa festa solidária no verão de 2022″.

O Rock ‘n’ Law é uma iniciativa solidária e que ao longo das 12 edições angariou mais de 700 mil euros através de um evento de música e solidariedade promovido por sociedades de advogados e que move a sociedade civil e as empresas.

No total, a iniciativa costuma contar com a colaboração da Abreu Advogados; CMS Rui Pena & Arnaut; Cuatrecasas, Gonçalves Pereira; DLA Piper ABBC; FCB & Associados; Garrigues; Gomez-Acebo & Pombo; Linklaters; Morais Leitão, Galvão Teles, Soares da Silva & Associados; PLMJ; Sérvulo & Associados; SRS Advogados; Uría Menéndez – Proença de Carvalho e Vieira de Almeida.

O ano passado a iniciativa decorreu em formato online e foram angariados mais de 47.450 euros de donativo para a causa escolhida. Os advogados decidiram apoiar artistas e a cultura e todos os profissionais do meio com os donativos habituais. A organização apoiada foi a União Audiovisual, uma associação que surge para apoiar os vários profissionais que ficaram sem trabalho, através de recolha e distribuição de bens alimentares mas exclusivamente para quem está no meio audiovisual.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Rock ‘n’ Law: Sem evento em 2021, advogados vão doar 35.000 euros ao programa Abem

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião