5 coisas que vão marcar o dia

A Comissão Europeia avança com proposta dos recursos próprios. O INE divulga rendas e juros da casa e o Banco de Portugal a balança de pagamentos. O PS apresenta cabeças de lista para as eleições.

É um dia importante nas instituições comunitárias uma vez que a Comissão Europeia vai avançar com a proposta da criação de novas fontes de receita comunitária para reembolsar a dívida que está a contrair nos mercados para financiar a resposta económica à crise pandémica. Além disso, o INE e o Banco de Portugal divulgam uma série de estatísticas esta quarta-feira. Ao final da tarde, o PS apresenta os cabeças de listas às eleições de 30 de janeiro.

Comissão Europeia propõe recursos próprios para pagar dívida da “bazuca”

Tal como ficou acordado entre o Conselho Europeu (Estados-membros) e o Parlamento Europeu na legislação do Próxima Geração UE (mais conhecida pela “bazuca” europeia), a Comissão Europeia vai apresentar esta quarta-feira uma proposta para criar novos recursos financeiros que vão permitir reembolsar a dívida comum contraída para financiar, entre outros fundos, o Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) de cada país. Em causa está a criação de novos impostos para determinadas empresas ou a retenção de receita do mercado de carbono e do mecanismo de ajuste de carbono na fronteira.

Rendas continuam a subir?

Depois de uma subida de 5,3% no primeiro trimestre, as rendas aceleraram ainda mais no segundo trimestre deste ano, tendo encarecido 11,5% face ao mesmo período do ano anterior. A mediana nacional atingiu os 6,03 euros por metro quadrado, de acordo com os dados do Instituto Nacional de Estatística (INE). Esta quarta-feira o gabinete de estatística revela a evolução do preço das rendas no terceiro trimestre.

Fim das moratórias ditou subida dos juros da casa

Também esta quarta-feira o Instituto Nacional de Estatística (INE) revela a evolução das taxas de juro implícitas no crédito à habitação em novembro. Há um mês o gabinete de estatísticas mostrava os juros subiram em outubro, pela primeira vez no último ano, à boleia do fim das moratórias bancárias. Ainda assim, o juro implícito continuou abaixo de 1%, situando-se em 0,803%. Apesar desta subida, os 0,803% continuam a ser um dos valores mais baixos de sempre, apenas superado pelos juros registados em setembro e agosto.

Excedente externo continua a subir?

O Banco de Portugal divulga esta quarta-feira os dados da balança de pagamentos até outubro deste ano. Até setembro, a economia portuguesa registou um excedente externo de 928 milhões de euros, mais 1.203 milhões de euros do que em igual período do ano anterior, segundo o banco central. Porém, este excedente ainda fica a menos de metade do que se registava na mesma altura em 2019, antes da pandemia.

Partido Socialista apresenta cabeças de lista às legislativas

O Partido Socialista, que é o partido que aparece à frente nas intenções de voto dos portugueses, vai apresentar esta quarta-feira às 17h os cabeças de lista às eleições legislativas antecipadas de 30 de janeiro. António Costa, o atual primeiro-ministro, é o cabeça de lista pelo maior círculo eleitoral do país, o distrito de Lisboa, e o deputado Alexandra Quintanilha é novamente o nome escolhido para o distrito do Porto.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

5 coisas que vão marcar o dia

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião