NTT DATA cria dois hubs de inovação no Porto

Os dois novos hubs da tecnológica fazem parte da estratégia da companhia de reforçar os centros tecnológicos no país ao longo do ano. Até final de 2022 serão criados mais 10.

A NTT Data está empenhada na criação de hubs tecnológicos no país. Depois dos centros de Braga, Castelo Branco e Coimbra, que já se encontram em funcionamento, a empresa anunciou a criação de dois novos hubs, desta vez na cidade do Porto. Ambos seguem o modelo de trabalho flexível, híbrido e dinâmico adotado pela companhia, que assenta na confiança e no compromisso de cada colaborador. Ao longo do ano, a companhia prevê criar mais dez centros tecnológicos no país.

“Prevemos criar mais de uma dezena destes Hubs durante o corrente ano, preferencialmente em centros de pequena ou média densidade populacional, promovendo uma forte ligação às instituições de ensino, ao tecido empresarial e às entidades de caráter social aí localizadas. Desta forma, ganhamos capilaridade territorial e damos o nosso contributo para o desenvolvimento dessas localidades”, adianta Paulo Silva, partner & head of emerging business areas and delivery models da NTT DATA Portugal.

“Todas estas unidades estão integradas com as áreas de negócio da companhia e têm a intenção de aprofundar e consolidar o conhecimento e competências da empresa, em matéria setorial ou tecnológica, para servir clientes nacionais e internacionais. Esta é uma aposta na criação de valor diferencial, que reforçará as capacidades da empresa no seio do Grupo e que representa uma interessante oportunidade para quem quer fazer carreira nas áreas de consultoria e Tecnologias de Informação”, continua, citado em comunicado.

Dos dois centros criados no Porto, um deles funciona como uma “extensão da estrutura focada no desenvolvimento e suporte em escala e com elevado nível de eficiência de soluções tecnológicas” e o outro “como centro de conhecimento especializado em OutSystems”, detalha a NTT DATA Portugal.

Apesar da tendência de trabalho tendencialmente remoto, a companhia considera que os centros serão capazes de promover momentos de colaboração presencial, “importantes para promover o e espírito de equipa e revitalizar energias”.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

NTT DATA cria dois hubs de inovação no Porto

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião