Tesla recebe ‘luz verde’ para iniciar produção na gigafábrica Alemanha

  • Joana Abrantes Gomes
  • 4 Março 2022

A "gigafábrica" da Tesla em Grünheide, perto da capital alemã, é a primeira unidade da fabricante norte-americana na Europa e deverá produzir 500 mil veículos elétricos por ano

A abertura da “gigafábrica” da Tesla em Grünheide, perto de Berlim, estava prevista para o verão passado, mas foi sendo adiada por várias vezes devido, sobretudo, ao pedido tardio da fabricante para construir uma fábrica de baterias que não estava incluída no pedido de licença original, até que esta sexta-feira recebeu “luz verde” para começar a produzir.

Desde finais de 2021 que a primeira unidade europeia da Tesla tem estado a produzir veículos teste de pré-produção, mas só agora obteve licença para operar comercialmente.

Foi “um grande dia para Brandenburgo, um grande passo para o futuro”, disse o líder estadual, Dietmar Woidke, numa conferência de imprensa, acrescentando que o processo de aprovação tinha sido uma “tarefa gigantesca”.

Brandenburgo espera agora um impulso do emprego na região com a nova fábrica, posicionando-se como um centro de produção de veículos elétricos. Após um processo acelerado até à aprovação final, a Tesla conta produzir 500.000 veículos por ano nesta unidade.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Tesla recebe ‘luz verde’ para iniciar produção na gigafábrica Alemanha

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião