Câmara de Lisboa tem 25 vagas para startups na Web Summit

Através da plataforma Made of Lisboa, startups com menos de cinco anos de existência e menos de três milhões de investimento poderão entrar gratuitamente na cimeira.

A câmara de Lisboa tem 25 vagas para as startups entrarem gratuitamente na edição deste ano da Web Summit. A iniciativa é promovida através da plataforma de empreendedorismo Made of Lisboa.

“A nossa missão é potenciar o ecossistema empreendedor e inovador de Lisboa e dar oportunidades às startups de se ligarem globalmente a potenciais clientes, de terem acesso a investimento e a uma valiosa rede de mentoria, levando ao seu crescimento. A Web Summit é o momento chave para materializar essa expansão”, destaca Margarida Figueiredo, líder da Direção Municipal de Economia e Inovação da Câmara de Lisboa.

Para apresentarem candidaturas, as startups têm de ter menos de cinco anos de existência e têm de estar registadas numa incubadora, aceleradora, cowork (espaço de trabalho partilhado) ou num espaço de inovação da capital.

Entre as 25 vagas, 20 correspondem ao programa Alpha da Web Summit, que serve sobretudo para jovens empresas tecnológicas com menos de um milhão de dólares de investimento.

As restantes cinco entradas servem para startups do programa Beta, com até três milhões de dólares de investimento já levantado.

Cada startup selecionada terá direito a três entradas para membros da respetiva equipa, “presença em expositor e oportunidade de aceder a horas de mentoria e à competição Pitch”, para eleição da melhor startupem 2021, a competição foi ganha pela portuguesa Smartex.Ai.

As inscrições para esta iniciativa estão abertas até ao final do dia 4 de setembro e poderão ser feitas através desta página.

A Web Summit 2022 decorre entre 1 e 4 de novembro na FIL e no Altice Arena.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Câmara de Lisboa tem 25 vagas para startups na Web Summit

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião