ūüďą Banca com lucros recorde em 5 gr√°ficos

Os maiores bancos em Portugal tiveram lucros de 4,4 mil milh√Ķes no ano passado. V√™m a√≠ dividendos hist√≥ricos, mas h√° bandeiras vermelhas: o cr√©dito da casa e os dep√≥sitos ca√≠ram.

Caixa Geral de Dep√≥sitos (CGD), BCP, Santander Totta, BPI e Novobanco: os maiores bancos em Portugal tiveram lucros acima dos quatro mil milh√Ķes de euros no ano passado, subindo 70% em rela√ß√£o a 2022. A escalada das taxas de juro ajudou a banca portuguesa a escrever um ano hist√≥rico: a margem financeira disparou com o aumento das presta√ß√Ķes dos empr√©stimos, enquanto a remunera√ß√£o dos dep√≥sitos tardou em subir. E v√™m a√≠ dividendos chorudos.

4,4 mil milh√Ķes de euros

Foi o lucro que os cinco maiores bancos obtiveram em 2023, correspondendo a uma subida de 72% em rela√ß√£o ao ano anterior. Ficar√£o para a hist√≥ria. A Caixa registou o maior resultado: 1,3 mil milh√Ķes de euros. O Santander tamb√©m lucrou mais de mil milh√Ķes. Mas a maior subida pertence ao BCP: mais do que quadruplicou os lucros no ano passado, atingindo os 856 milh√Ķes de euros. H√° um ponto em comum entre os bancos que explica estes resultados hist√≥ricos: a escalada das taxas de juro.

powered by Advanced iFrame free. Get the Pro version on CodeCanyon.

9,3 mil milh√Ķes de euros

Foi a margem financeira que Caixa, BCP, Santander, BPI e Novobanco registaram no ano passado, disparando mais de 60% em compara√ß√£o com 2022. A margem financeira corresponde, em grande medida, √† diferen√ßa entre os juros cobrados nos empr√©stimos aos juros pagos nos dep√≥sitos, sendo o neg√≥cio core dos bancos. Com a subida das taxas de juro do mercado (Euribor), √† boleia das taxas do BCE, milhares de fam√≠lias e empresas viram a presta√ß√£o dos seus empr√©stimos aumentar rapidamente e de forma muito acentuada, enquanto os bancos foram lentos a melhorar as remunera√ß√Ķes dos dep√≥sitos. Nesse mix, a margem financeira alcan√ßou n√≠veis hist√≥ricos e dever√° agora estabilizar.

powered by Advanced iFrame free. Get the Pro version on CodeCanyon.

1,3 mil milh√Ķes de euros

Com o disparo dos resultados, os acionistas esfregam as m√£os com os dividendos que os bancos se preparam para entregar. O Estado vai receber 525 milh√Ķes do banco p√ļblico e Paulo Macedo abriu a porta a aumentar o cheque. O BPI vai pagar 517 milh√Ķes de euros ao espanhol Caixabank, distribuindo praticamente todo o lucro que teve no ano passado. J√° o BCP melhorou o payout de 10% para 30% e vai dar mais de 250 milh√Ķes aos seus milhares de acionistas. Ainda sem contar com o dividendo do Santander, os bancos preparam-se para desembolsar 1,2 mil milh√Ķes.

powered by Advanced iFrame free. Get the Pro version on CodeCanyon.

-4%

Foi a descida dos dep√≥sitos em Portugal nos cinco maiores bancos em 2023, atingindo os 214 mil milh√Ķes de euros. Os bancos precisam de captar poupan√ßas junto das fam√≠lias e empresas para poderem emprestar dinheiro √† economia. Mas viram fugir cerca de 8,5 mil milh√Ķes de euros, devido sobretudo a dois fatores: aos Certificados de Aforro (que roubaram muitas poupan√ßas aos bancos na primeira metade do ano passado) e ao facto de muitas fam√≠lias terem recorrido aos dep√≥sitos para pagar os empr√©stimos ao banco antes do tempo (aproveitando a isen√ß√£o de comiss√£o de reembolso) e assim atenuar o impacto da subida das taxas de juro na presta√ß√£o.

powered by Advanced iFrame free. Get the Pro version on CodeCanyon.

-1,4%

Fruto da acelera√ß√£o das taxas de juro, o cr√©dito √† habita√ß√£o tamb√©m registou uma contra√ß√£o no ano passado. A carteira de empr√©stimos dos maiores bancos contraiu quase 1,5% para 90,1 mil milh√Ķes de euros. Tal como precisam de captar dep√≥sitos, os bancos tamb√©m t√™m de emprestar dinheiro para fazerem neg√≥cio. Com o aumento dos custos dos empr√©stimos, a procura por cr√©dito da casa da parte das fam√≠lias refreou significativamente. Por outro lado, muitos clientes decidiram reembolsar os empr√©stimos antecipadamente, acentuando a tend√™ncia de queda do cr√©dito da casa.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Coment√°rios ({{ total }})

ūüďą Banca com lucros recorde em 5 gr√°ficos

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discuss√£o dando a sua opini√£o