Estas são as 21 linhas-mestras do Governo para o futuro do trabalhopremium

O Governo apresenta, esta quarta-feira, aos parceiros sociais o Livro Verde para o Futuro do Trabalho. Estes são os 21 destaques desse documento que poderá servir de base a mudanças na lei laboral.

O Governo tem encontro marcado, esta quarta-feira, com sindicatos e patrões para lhes apresentar o Livro Verde para o Futuro do Trabalho. Nos 21 destaques desse documento a que a Pessoas/ECOteve acesso, o Executivo sublinha a necessidade de melhorar a regulação do teletrabalho, de tornar Portugal mais atrativo para os nómadas digitais, de regular o trabalho em plataformasdigitais, mas também de lançar incentivo à partilha entre homens e mulheres das licenças parentaise de desenvolver, em negociação coletiva, modelos de trabalho focados nos objetivos concretos, ao invés de apenas no número de horas de trabalho. Segundo têm vindo a explicar os coordenadores científicos deste documento, não estão, para já, desenhadas propostas concretas para mudar a legislação laboral, mas as

Assine para ler este artigo

Aceda às notícias premium do ECO. Torne-se assinante.
A partir de
5€
Veja todos os planos