Portuguesa Tradiio quer angariar 600 mil euros por 13% do capital

Empresa quer entrar nos Estados Unidos e escalar o modelo a milhões de artistas.

A portuguesa Tradiio, plataforma de streaming de música, lançou a maior operação de crowdfunding feita por uma empresa portuguesa. A startup está a recorrer à Seedrs, maior plataforma de equity crowdfunding da Europa, para levantar um financiamento de 600 mil euros, em troca de 13% do capital.

A campanha já atingiu 37% no primeiro dia e estará ativa ao longo dos próximos 60 dias. Se a Tradiio conseguir levantar os 600 mil euros que procura, ficará avaliada em 4 milhões de euros, encaixe que servirá para lançar a empresa nos Estados Unidos e escalar o modelo a milhões de artistas.

“Não há melhor forma de mostrar que o crowdfunfing funciona do que fazer o próximo round através do mesmo modelo. Esta é a oportunidade perfeita para envolvermos a comunidade portuguesa na internacionalização do Tradiio nos Estados Unidos, a partir de Los Angeles, detalha Álvaro Gomez, CEO da empresa, citado em comunicado.

A Tradiio é uma plataforma de descoberta e lançamento de novos projetos musicais, que conta com mais de 30 mil artistas registados, provenientes de uma centena de países. A plataforma permite aos utilizadores subscreverem diretamente os artistas, através de um valor mensal, para ajudar os projetos musicais a atingirem um objetivo predefinido. Em troca, os utilizadores têm acesso a conteúdo exclusivo.

Este ano, foi considerada a décima startup mais disruptiva do mundo, pelo ranking Disrupt 100. Os responsáveis do ranking consideram que “nenhuma outra plataforma conseguiu agregar, de forma efetiva, um sistema de streaming através de um sistema de crowdfunding“. A Tradiio consegue, assim, não só lançar novos artistas, como “providenciar uma forma sustentável de aceder ao conteúdo”.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Portuguesa Tradiio quer angariar 600 mil euros por 13% do capital

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião