Equipas de research do BPI e CaixaBank fazem joint venture

As duas equipas passam a trabalhar para ambas as instituições. As áreas foram distribuídas entre Portugal e Espanha. Depois da OPA do espanhol CaixaBank ao BPI, as sinergias são para aprofundar.

As equipas de research são um primeiro sinal, mas o CaixaBank quer ir muito mais longe nas sinergias com o BPI — 120 milhões até 2019.

Um porta-voz do espanhol CaixaBank, que agora detém 84,5% do BPI na sequência da Oferta Pública de Aquisição (OPA) lançada no início do ano, revelou à Bloomberg que foi assinado um acordo de joint venture com as unidades de investimento do BPI para oferecerem serviços conjuntos de corretagem de ações.

Presentemente, a divisão de Equity Research do BPI é dirigida por Bruno Silva que vai continuar à frente da equipa de research mas só para a parte das ações, em ambos os bancos. Já Javier Marin, que era o responsável pelo departamento de research do CaixaBank, passará a dirigir a área de research de activos de rendimento fixo, como a dívida pública.

Outra das alterações resultantes desta reorganização das equipas de research, segundo o mesmo porta-voz citado pela Bloomberg, é a mudança de alguns analistas da antiga equipa de research do CaixaBank para a equipa de activos de rendimento fixo.

Comentários ({{ total }})

Equipas de research do BPI e CaixaBank fazem joint venture

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião