CaixaBI: “Há uma nova guerra entre os operadores de telecom”

Banco de investimento considera uma má notícia para o setor dos media caso a Altice venha a comprar a TVI.

Para o CaixaBI, há uma nova guerra em curso entre a Altice e a Nos, depois de a primeira ter confirmado negociações para comprar a Media Capital, dona da TVI. E, embora as ações dos grupos de media estejam em alta com estes movimentos, o banco de investimento considera que se tratam de notícias negativas para o setor.

“Assumindo um cenário em que a Altice adquire a Media Capital, somos da opinião que uma nova guerra entre os operadores de telecom possa estar em curso, com a Nos a mostrar interesse em adquirir uma participação na Impresa, que é igualmente um operador integrado de media”, afirma o analista Artur Amaro que assina a nota publicada esta segunda-feira.

O CaixaBI relembra a “batalha pelos conteúdos desportivos em 2016” que foi iniciada “pela Nos numa atitude de antecipação depois de tornado público o interesse da Altice na aquisição dos direitos desportivos do Benfica”, concluindo que, se a Altice comprar a Media Capital, o setor dos media vai sofrer. “Consideramos que esta notícia não é positiva para o setor, e caso este cenário se venha a concretizar, implicará possivelmente menor geração futura de cash-flow e menores margens EBITDA”, diz o CaixaBI.

"Assumindo um cenário em que a Altice adquire a Media Capital, somos da opinião que uma nova guerra entre os operadores de telecom possa estar em curso, com a Nos a mostrar interesse em adquirir uma participação na Impresa que é igualmente um operador integrado de media.”

Artur Amaro

CaixaBI

De acordo com a avaliação do CaixaBI, a Impresa, dona da SIC, tem um Enterprise Value de 230 milhões de euros, “valor idêntico ao que o mercado atribui”. Quanto à Media Capital, “importa referir que um múltiplo de 10x EBITDA (assumindo um EV médio de EUR 400m) possivelmente já implica um prémio de aquisição/controlo embora para a Impresa a mesma métrica possa não ser suficientemente atrativa”, salienta Artur Amaro.

As ações da Impresa estão a ceder 5,45% para 0,416 euros, corrigindo dos ganhos acentuados verificados na última sessão. Já a Media Capital ainda não mexeu esta terça-feira, mantendo-se nos 3,11 euros.

Impresa corrige em baixa

Nota: A informação apresentada tem por base a nota emitida pelo banco de investimento, não constituindo uma qualquer recomendação por parte do ECO. Para efeitos de decisão de investimento, o leitor deve procurar junto do banco de investimento a nota na íntegra e consultar o seu intermediário financeiro.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

CaixaBI: “Há uma nova guerra entre os operadores de telecom”

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião