Lesados da PT preparam ação popular contra Haitong

  • ECO
  • 13 Novembro 2017

A Alope e a ATM vão juntar-se contra o Haitong pela "venda fraudulenta" de produtos estruturados, Antes de avançar para a ação popular, as associações vão tentar entrar em negociações.

As associações que representam os lesados da PT/Oi (Alope) e os pequenos investidores (ATM) poderão avançar em conjunto para uma ação popular contra o Haitong, antigo BESI, pela venda fraudulenta de produtos estruturados que aconteceu antes da queda do banco liderado por Ricardo Salgado. Querem assim defender os interesses dos investidores da antiga PT.

A união de esforços foi confirmada pelos responsáveis de ambas as associações ao Jornal de Negócios, com Francisco Mateus, da Alope, a afirmar que “existe interesse de ambas as partes em convergir interesses” e Octávio Viana, da ATM, a considerar que esta ação alarga o raio de intervenção, uma vez que a sua associação esteve “sempre mais direcionada para os obrigacionistas e acionistas”.

“Estamos a falar de CLN (Credit Link Notes), os quais, na prática, são um misto: têm características de CDS, tipo de seguros, e de uma obrigação”, explicou Francisco Mateus ao jornal. Haverá “um pressuposto de venda fraudulento” porque “o BES já tinha conhecimento à data dos problemas financeiros da ESI”, como a auditoria independente da PwC já tinha mostrado. Desta forma, “no fundo, o BES pegou nessas obrigações e empurrou para os clientes de retalho”, conclui o presidente da Alope.

Antes de avançar para a ação popular propriamente dita, os departamentos jurídicos de ambas as associações vão proceder ao envio de uma carta ao Haitong propondo uma negociação. Mas como esta hipótese está a ser considerada pelas mesmas como remota, a ação é já tida como muito provável. Não é ainda conhecida a data de entrada da ação, “por ser um processo que não pode ser avançado de ânimo leve”.

Comentários ({{ total }})

Lesados da PT preparam ação popular contra Haitong

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião