CTT tombam 3% e colocam pressão na bolsa

Empresa de correios volta hoje a ser pressionada na bolsa de Lisboa, isto depois de a Anacom ter apertado os critérios de avaliação do serviço postal universal.

Pressão vendedora nos CTT, que voltam às quedas acentuadas na bolsa de Lisboa depois de o regulador ter apertado os critérios de avaliação do serviço postal universal que levou o título a afundar 9% na passada sexta-feira.

No arranque da sessão desta segunda-feira, as ações dos Correios apresentam-se em baixa de 3,38% para 3,37 euros, no pior desempenho na praça nacional que abriu a subir mas já cai cerca de 0,14% para 5.610,93 pontos.

“Os CTT continuarão a ser um dos principais temas da sessão nacional. Depois de na semana passada a ação ter sofrido uma desvalorização acentuada após a Ancacom ter determinado alterações aos critérios de qualidade de serviço aplicáveis à prestação do Serviço Postal Universal, surgem outras duas notícias sobre a empresa”, destacam os analistas do BPI referindo-se ao eventual interesse no Deutsche Bank Portugal e à integração da Payshop no Banco CTT.

São as dez as cotadas que registam perdas no PSI-20, com destaques ainda para o BCP (-0,07%), EDP Renováveis (-0,35%) e Jerónimo Martins (-0,72%), três dos pesos pesados nacionais. Do lado positivo, temos a Corticeira a subir 0,77% e a Nos a somar 0,45% e que de alguma forma amparam a queda do índice nos primeiros minutos de negociação da semana.

Lá por fora, Wall Street não abre por causa do feriado relativo ao Dia de Martin Luther King, o que deverá reduzir o volume de negociação nos mercados. No Velho Continente, os investidores acordaram com mau humor, pelo menos a julgar pela performance dos principais índices na abertura: em Frankfurt, o Dax-30 cede 0,3%; em Madrid e Milão, as quedas situam-se à volta de 0,2%.

“O feriado nos EUA deverá reduzir um pouco o volume, mas a atual conjuntura oferece diversos pontos de interesse mesmo quando Wall Street está encerrada. Um desses pontos é a valorização do euro, que ultrapassou a barreira técnica dos 1,21 face ao dólar, negociando na sessão asiática acima dos 1,22 dólares”, dizem os analistas do BPI.

CTT continuam em queda

(Notícia atualizada às 8h35)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

CTT tombam 3% e colocam pressão na bolsa

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião