Garrigues lança novo site

A Garrigues lança um novo site corporativo com o objetivo de "oferecer valor acrescentado aos utilizadores, facilitar a sua utilização e adaptar-se às últimas tecnologias".

A Garrigues lança um novo site corporativo com o objetivo de “oferecer valor acrescentado aos utilizadores, facilitar a sua utilização e adaptar-se às últimas tecnologias”, segundo comunicado do escritório. Para isso, reformulou por completo o design, transformando o site num portal de informação.

Segundo a mesma fonte, os pilares do novo site da Garrigues são: dinamismo, com a atualização de conteúdos constante, utilidade, com oferta de diversos conteúdos que podem ser usados como ferramenta de trabalho pelos seus stakeholders e design não hierarquizado, já que qualquer conteúdo pode constar na homepage”.

O site terá ainda conteúdo internacional concebido pelos profissionais dos 32 escritórios da firma, espalhados por 13 países de quatro continentes.

A Garrigues é uma sociedade de advogados internacional, com escritórios em Lisboa e Porto, que presta serviços jurídicos e oferece assessoria em direito empresarial nos principais cenários económicos do mercado global. A equipa é composta por duas mil pessoas de vinte e cinco nacionalidades diferentes, que está presente em doze países para além de Portugal, nomeadamente Brasil, Bélgica, Chile, China, Colômbia, Espanha, E.U.A., Marrocos, México, Peru, Polónia, Reino Unido.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Garrigues lança novo site

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião