De Lisboa ao Porto por cinco euros? CP volta a lançar promoção

Comboios de Portugal coloca à venda, esta terça-feira, Bilhetes Promo, que permitirão fazer a ligação Lisboa-Porto por apenas cinco euros. Campanha segue o modelo da lançada em janeiro deste ano.

Depois do sucesso da campanha promocional de janeiro, a Comboios de Portugal volta a cortar os preços dos bilhetes. A partir desta terça-feira, dia 27 de março, comprar uma viagem de Lisboa ao Porto vai custar-lhe apenas cinco euros.

Os títulos em desconto terão de ser adquiridos com, pelo menos, dez dias de antecedência e dizem respeito às viagens realizadas em classe turística ou segunda classe, em Alfa Pendular ou Intercidades.

Os bilhetes podem ser adquiridos na bilheteira online, na aplicação móvel da CP, através da Linha de Atendimento e nas bilheteiras físicas.

Além das viagens a cinco euros para o Porto, é possível comprar títulos com origem na capital para sete outras estações a preços mais baixos: Covilhã a 3,50 euros; Coimbra a quatro euros; Aveiro, Guarda e Faro a quatro euros e meio; Guimarães e Braga a 5,50 euros.

Em janeiro, a bilheteira online da Comboios de Portugal não aguentou “a adesão massiva” aos bilhetes em saldos e “crashou”. Ao ECO, a porta-voz da CP esclareceu que tal “não devia ter acontecido” e que portanto não é expectável que volte a suceder, até porque “tem havido um reforço sistemático desse sistema” informático”.

Na altura, a ferroviária acabou por alargar o período de compra em causa por mais cinco dias para compensar as múltiplas horas em que apenas a bilheteira física e a Linha de Atendimento estiveram a funcionar.

(Notícia atualizada às 14h00).

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

De Lisboa ao Porto por cinco euros? CP volta a lançar promoção

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião