Dona da Zara quer chegar a todos os países com vendas online até 2020

Para conseguir alcançar este objetivo, as lojas vão passar a ter stock integrado, de forma a simplificar a logística de envio. As vendas online da Zara já chegam a 48 países.

Vem aí mais uma aposta no comércio eletrónico. O grupo Inditex, que detém lojas como a Zara, Stradivarius e Bershka, quer chegar a todos os países com as vendas online até 2020.

O anúncio foi feito pelo presidente do grupo, Pablo Isla, que acrescentou ainda que as lojas vão ter stock integrado e ser “ecoeficientes”, revela o El País (acesso livre/conteúdo em espanhol). A meta estabelecida é para todas as marcas do grupo.

“Queremos que todos os clientes da Inditex de todos os países do mundo tenham acesso a todos os nossos produtos, independentemente de existirem ou não lojas físicas“, disse, citado pelo jornal espanhol.

Para conseguir fazer isto, as lojas terão todas um stock integrado, de forma a poder enviar as roupas e acessórios para os clientes de cada país mais facilmente, sem ter de recorrer a inventários distantes. O modelo está já implementado em algumas lojas da Zara, que tem disponível a venda online em 48 países.

Outro dos objetivos para os espaços da Inditex é reduzir o consumo de água e energia. O grupo vai apresentar resultados do seu primeiro trimestre fiscal no próximo dia 12 de setembro.

Comentários ({{ total }})

Dona da Zara quer chegar a todos os países com vendas online até 2020

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião